quarta-feira, 30 de setembro de 2015

"Todos por São Luís" leva estudantes da rede pública para passeio no Centro Histórico

 
″Todos por São Luís″ leva estudantes da rede pública para passeio no Centro HistóricoA estudante Paula Luciana Reris Abreu, 8 anos, da Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Primavera, fez seu primeiro passeio ao Centro Histórico nesta terça-feira (29). Paula Luciano, matriculada na 6ª série do 7º ano, moradora do bairro Cohatrac, integrou o grupo de estudantes da escola da rede municipal, e da CE Profª Maria Pinto, que participou do passeio turístico do programa "Todos por São Luís". Os estudantes foram acompanhados pela primeira-dama do Município, Camila Holanda, coordenadora do programa. O passeio foi uma das atividades em comemoração ao Dia Mundial do Turismo, 27 de setembro, organizada pela Prefeitura de São Luís.
A primeira-dama do Município, Camila Holanda, acompanhou o grupo de cerca de 40 estudantes, durante o passeio que integra o leque de atividades do projeto Turismo educativo, da Secretaria Municipal de Turismo (Setur). "Estamos tendo a felicidade de trazer estas crianças para manter contato com a beleza e a história da cidade. Muitos deles estão vindo pela primeira vez ao Centro Histórico", disse Camila Holanda. O programa "Todos por São Luís" é organizado pela Secretaria Municipal de Comunicação (Secom).
Os estudantes partiram do Centro de Informação Turístico (CIT), na Praça Benedito Leite, para em seguida visitar o prédio da Prefeitura de São Luís, na avenida D. Pedro II, e continuar pelas ruas da Praia Grande. O guia de turismo, José Ribamar, da equipe técnica da Setur, orientou o grupo de estudantes no passeio juntamente com a professora Avanne Dominice.
TURISMO EDUCATIVO
Dentro da programação do "Todos por São Luís", o projeto Turismo Educativo vem ocupando as escolas da rede municipal entre terças e sextas-feiras. Durante as visitas, equipes da Setur realizam palestras e organizam o passeio turístico agendado na sexta-feira antes da realização do Todos por São Luís nas comunidades. O projeto tem parceria com o Instituto Federal de Tecnologia do Maranhão (IFMA), que tem reforçado o corpo de guia de turismo. O city tour geralmente tem contado com participação em média de 80 estudantes do ensino fundamental.

Prefeitura participa de encontro com Conselhos Municipais de Educação

 
Prefeitura participa de encontro com Conselhos Municipais de EducaçãoA Prefeitura de São Luís, por meio da Secretaria Municipal de Educação (Semed), participou nesta terça-feira (29), no auditório Fernando Falcão, na Assembleia Legislativa do Maranhão, do V Encontro Estadual dos Conselhos Municipais de Educação do Estado do Maranhão. A programação realizada nos dias 29 e 30 deste mês tem como tema "O papel dos Conselhos Municipais de educação na implementação dos Planos e dos Sistemas Municipais de Ensino", que integra um conjunto de ações, palestras, debates, mesa redonda e relatos de experiências dos Conselhos Municipais da Educação.
O encontro tem como objetivo fortalecer a integração e a troca de experiências entre os Conselhos de Educação, refletir sobre o CME como órgão normativo do Sistema Municipal de Ensino e qualificar os Conselheiros Municipais de educação para atuação na elaboração e acompanhamento das políticas municipais de Educação.
A programação do evento abordou no primeiro momento o tema "Os desafios de implementação dos Planos Municipais de Educação e dos Sistemas Municipais de ensino sob a perspectiva dos Conselhos e das Secretarias Municipais de Educação (Uncme) e (Undime)". Representando o prefeito Edivaldo, o secretário municipal de Educação e presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais em Educação do Maranhão (Undime-MA), Geraldo Castro Sobrinho participou do evento, ao lado da presidente da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, Gilvânia Nascimento.
ENSINO
Para o secretário de Educação, os Planos Nacional e Municipal de Educação, apresentam metas e estratégias para a melhoria do ensino municipal prezando por uma educação de qualidade. "É um trabalho complexo, mas de grande importância para a educação de cada município, no qual define as diretrizes para a gestão municipal. O prefeito Edivaldo trabalha incansavelmente nas metas e ações no sentido de melhorar cada vez mais o ensino em nosso município, superando os obstáculos que surgem para melhoria da educação", destacou o titular da Semed.
A presidente da União Nacional dos Conselhos Municipais de Educação, Gilvânia Nascimento, destacou a importância do trabalho do Conselheiro Municipal de Educação e a parceria da Uncme e Undime para realização do encontro. "Desenvolvemos um papel social e civil de extrema importância como conselheiros. No nosso encontro buscamos trocar experiência e fortalecer a nossa formação e da equipe técnica. A parceria da Uncme e Undime foi fundamental para o evento, pois sem ela não conseguiríamos atender as políticas de educação através dos trabalhos dos conselheiros", ressaltou Gilvânia Nascimento.
PALESTRAS
Palestras sobre o Sistema Nacional de Educação (Sase) e Base Nacional Comum Curricular (SEB/MEC), a mesa redonda "Os Fóruns de educação e suas contribuições para o sucesso dos Planos de educação" e o lançamento do livro "Cimbalos, Lutas e Olhares" do autor Emerson Araújo, presidente do Conselho Municipal de Educação de Tuntum foram destaque da programação desta terça-feira (29).
A abertura do evento também contou com a presença da coordenadora Estadual e Regional da União Nacional dos Conselhos Municipais da Educação, professora Lindalva Batista, secretária de Estado da Educação, Áurea Prazeres, secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, presidente do Conselho Municipal de Educação, Roberto Mauro Gurgel, coordenadora do Escritório do Fundo das Nações Unidas para Infância (Unicef-MA).
Também estiveram no evento Eliana Almeida, coordenadora Geral do Fórum Estadual de Educação do Maranhão, Ilma Fátima de Jesus, secretária de Educação do Município de Paço do Lumiar, Graça Privado, presidente do Conselho Municipal de Educação de Pedreiras, Maria R. Ferreira Lima e dezenas de representantes dos conselhos municipais do estado. 

Astro de Ogum destaca parceria entre governo e prefeituras no lançamento do programa Mais Asfalto 2

Presidente da Câmara, Astro de Ogum, destacou a parceria do Governo do Estado com prefeitura para execução de obras de pavimentação
Ao participar da solenidade de lançamento do Programa Mais Asfalto 2, na manhã desta quarta-feira, 30, no Teatro João do Vale (Praia Grande), o presidente da Câmara Municipal de São Luís, vereador Astro de Ogum, fez questão de destacar as ações desenvolvidas em parceria pelo Governo do Estado e prefeituras maranhenses. “Podemos afirmar, sem sombra de dúvida, que este momento tem um significado muito importante para o avanço que vem sendo conquistado conjuntamente pelo Governo do Estado e pelas prefeituras maranhenses”.
Astro de Ogum ressaltou que, em São Luís, a iniciativa visa beneficiar 17 bairros, totalizando um investimento de R$ 20,6 milhões, em uma ação do governo estadual em parceria com a prefeitura da capital. “Já é bastante comum vermos a presença dos governos estadual e municipal nos bairros de nossa cidade, proporcionando melhoria de qualidade de vida para a população, oferecendo melhores condições de trafegabilidade e mobilidade”, enfatizou o presidente do Legislativo municipal.
Por fim, Astro de Ogum enalteceu os serviços realizados em benefício dos ludovicenses, “o que nos deixa bastante satisfeitos, ao presenciar também a satisfação das comunidades beneficiadas”, salientou.

Governo apresenta projeto dos agropolos agroindustriais a produtores de Arari


O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Agricultura e Pecuária, apresentou aos produtores  de Arari o projeto Agropolos, durante o 38º Festival da Melancia, realizado entre os dias 25 e 27 de setembro. O agropolo do Mearim, composto inicialmente pelos municípios de Vitória do Mearim, Arari e São Mateus do Maranhão, está entre os cinco primeiros que serão implantados ainda em 2015.
A apresentação fez parte da programação do V Encontro Tecnológico da Melancia, e contou com a participação de várias instituições ligadas ao setor produtivo, como a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), SEBRAE, Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural (Agerp), Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Arari e produtores rurais de diversas comunidades do município e localidades vizinhas.
O cultivo da melancia está entre as culturas a serem trabalhadas no agropolo do Mearim, dentro da cadeia da hortifruticultura, que contempla ainda hortaliças folhosas, banana, açaí e acerola. Além dessa cadeia, as de rizicultura (cultivo de arroz) e piscicultura também serão incentivadas.
A pedido da Sagrima, complementando a explanação da secretaria sobre as ações a serem desenvolvidas no polo, o coordenador da Embrapa Cocais, Valdemício Ferreira, realizou palestra sobre a cultura da melancia e assuntos relativos ao cultivo, produção, cultivares e comercialização (agronegócio).
“O diálogo e a participação dos produtores são fundamentais para a implantação dos agropolos, através deles levantamos as demandas e planejamos as ações para fortalecer as cadeias produtivas que têm potencial para crescer. É esse trabalho em conjunto com o poder público estadual, municipal, produtores e instituições parceiras que trará uma mudança efetiva na produção agropecuária do Maranhão, por meio desse projeto”, ressaltou o secretário de Agricultura e Pecuária, Márcio Honaiser.

Secretário Júlio Guterres concede entrevista no programa Conexão Direta na Rádio Maracu de Viana

 Viana – O secretário adjunto do Trabalho e da Economia Solidária - SETRES, Júlio Guterres, concedeu entrevista exclusiva no programa Conexão Direta, apresentado por Tânia Diniz, no Rádio Maracu AM, de Viana, para falar da Oficina do Projeto PRÓ-CATADOR-MA: RECUPERANDO VIDAS, REITEGRANDO CIDADANIA, que está sendo realizada nos municípios de Viana (29 e 30/09); e Matinha (01 e 02/10).

O seminário tem como objetivo reunir catadores, gestores públicos e lideranças comunitárias em torno da Política Nacional de Resíduos Sólidos e seus desdobramentos nos municípios escolhidos para a implantação do projeto.

A Oficina é uma iniciativa do Governo do Estado do Maranhão, por meio da SETRES em convênio com o Ministério do Trabalho e Emprego/Secretaria Nacional de Economia Solidária com apoio das prefeituras de Viana e Matinha.

Roberto Junior solicita implantação de Restaurante Popular no bairro João de Deus

O vereador Roberto Rocha Júnior (PSB) apresentou nesta quarta-feira (30), no Plenário da Câmara Municipal, indicação ao Governo do Estado, solicitando a implantação de um Restaurante Popular no bairro João de Deus, em São Luís. De acordo com o parlamentar, a iniciativa visa beneficiar as famílias de baixa renda, trabalhadores formais e informais, idosos, estudantes, desempregados, moradores de rua e famílias em situação de vulnerabilidade social.
“O Estado precisa ampliar o direito constitucional dos cidadãos, garantindo o acesso às pessoas e famílias que residem nos bairros mais carentes, e que vivem em situação de risco de insegurança alimentar e nutricional.Precisamos garantir que elas tenham uma alimentação saudável, de qualidade e a preços acessíveis”, ressaltou.
O programa Restaurante Popular está integrado à rede de ações do Fome Zero, que foi estabelecido em 2003 pelo Ministério de Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS). As refeições são balanceadas e preparadas com a supervisão de nutricionistas.
São Luís possui sete restaurantes populares, e cada refeição custa apenas o valor simbólico de um real.
A indicação do parlamentar foi aprovada por todos os vereadores presentes na sessão e encaminhada ao Governo do estado.

Governo do Estado promove Oficina do Projeto PRÓ-CATADOR, em Viana e Matinha


Secretário Júlio Guterres
Viana – O secretário do Trabalho e da Economia Solidária - SETRES, Júlio Guterres, concedeu entrevista exclusiva no programa Conexão Direta, apresentado por Tânia Diniz, na Rádio Maracu AM, de Viana, para falar da Oficina do Projeto PRÓ-CATADOR-MA: RECUPERANDO VIDAS, REITEGRANDO CIDADANIA, que está sendo realizada nos municípios de Viana (29 e 30/09); e Matinha (01 e 02/10).

O seminário tem como objetivo reunir catadores, gestores públicos e lideranças comunitárias em torno da Política Nacional de Resíduos Sólidos e seus desdobramentos nos municípios escolhidos para a implantação do projeto.

A Oficina é uma iniciativa do Governo do Estado do Maranhão, por meio da SETRES em convênio com o Ministério do Trabalho e Emprego/Secretaria Nacional de Economia Solidária com apoio das prefeituras de Viana e Matinha.
Secretária Laurinete Coelho
Secretária Susane Mendes
Secretária Rose Barroso
Acompanhando o secretário Júlio Guterres, na entrevista à Maracu, estiveram presentes as secretárias de Viana: Laurinete Coelho (Meio Ambiente); Susane Mendes (Desenvolvimento Social); Rose Barroso (Direitos Humanos e da Mulher).
Os entrevistados com a apresentadora Tania Diniz

Prefeitura promove atividades de lazer e entretenimento na Semana do Idoso


Prefeitura promove atividades de lazer e entretenimento na Semana do IdosoA Prefeitura de São Luís, por meio do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), realiza uma série de atividades socioculturais na Semana do Idoso. Na terça-feira (29), a programação se concentrou no Espigão Costeiro com momentos de lazer, aulas de aeróbica de ritmos e de zumba, além do show da cantora Vanessa Furtado. Nesta quarta-feira (30), o evento encerrou com almoço de confraternização, no Centro de Convivência do Olho D´Água, seguido de visita ao Parque Botânico da Vale. O conjunto de atividades integra o projeto Viver Mais, desenvolvido pela gestão municipal.
Este ano, o tema do evento foi "O Idoso como ator no Contexto Social e Cultural". De acordo com o presidente do Ipam, Raimundo Penha, o objetivo é desenvolver atividades socioculturais voltadas para o bem-estar dos idosos. "Essa convivência, entrosamento com atividades de lazer, ajudam a elevar a qualidade de vida, principalmente, nesta idade. É uma determinação do prefeito Edivaldo a valorização dos nossos idosos e nós fazemos tudo isso com carinho porque eles são especiais e merecem toda a nossa atenção", disse.
Raimundo Penha explicou que a ação é voltada não só visando ao bem-estar dos idosos aposentados e pensionistas do município, bem como daqueles que estão na área de abrangência do Centro de Convivência do Ipam e dos mais diversos centros sociais. Segundo ele, a cultura é reconhecida como um direito social constitucional e o Ministério da Cultura assumiu, em 2003, por meio da lei 10.741, o compromisso de assegurar e valorizar o direito à cultura ao idoso com absoluta prioridade, a fim de contribuir com a valorização da terceira idade.
O projeto Viver Mais visa ao bem-estar da pessoa da terceira idade. As atividades da Semana do Idoso foram organizadas e executadas por uma equipe multidisciplinar com foco na melhoria da qualidade de vida, garantia do direito à cidadania, estimulando a socialização e integração entre os idosos dos diferentes centros sociais.
A aposentada Maria do Livramento Silva, 74 anos, aprovou a programação da Semana do Idoso e aproveitou as aulas, ao ar livre, no Espigão, para se exercitar. Segundo ela, essa integração, proporcionada pelo projeto Viver Mais, é contagiante e a faz se sentir revigorada. "Essa ação é muito importante para a terceira idade. Participo com prazer. Todos os idosos deveriam experimentar essas atividades", disse.
DIA DO IDOSO
No dia 1º de outubro celebra-se o Dia do Idoso no Brasil. Até 2006, a data era comemorada no dia 27 de setembro. Isso porque, em 1999, a Comissão pela Educação, do Senado Federal, havia instituído tal data para a reflexão sobre a situação da pessoa da terceira idade na sociedade, ou seja, a realidade em questões ligadas à saúde, convívio familiar, abandono, sexualidade, aposentadoria.
No dia 1º de outubro de 2003, porém, foi aprovada a Lei nº 10.741, que tornou vigente o Estatuto do Idoso. Pelo fato de ter sido instituído em 1º de Outubro, em 2006, foi criada uma outra lei (a Lei nº 11.433, de 28 de Dezembro de 2006) para transferir o Dia do Idoso para a nova data: 1º de outubro.
VIVER MAIS
O projeto tem como finalidade garantir a melhoria da qualidade de vida de aposentados, pensionistas, servidores municipais e seus dependentes na capital maranhense. É também aberto à comunidade idosa da área de abrangência do Centro de Convivência, Olho d'Água. O "Viver Mais" é desenvolvido através do Ipam e conta com a parceria das secretarias municipais de Desportos e Lazer (Semdel), Administração (Semad), Criança e Assistência Social (Semcas), Segurança com Cidadania (Semusc), entre outros órgãos.
As atividades do projeto "Viver Mais" foram expandidas para atender também os servidores municipais ativos e seus dependentes. Os beneficiários têm como opções de atividades escolinha de natação, vôlei, futebol e futsal (para filhos de servidores), hidroginástica, treinamento funcional, aulas de zumba e dança de salão para servidores, jogos de salão e recreação aos finais de semana.

Deputado Wellington representa o Maranhão na 2° Reunião do Parlamento Amazônico

O vice-presidente das Comissões de Educação e Direitos Humanos da Assembleia Legislativa do Maranhão, deputado Wellington do Curso (PPS), está em Macapá-AP desde o início desta quinta-feira (24) representando o Maranhão e participando da 2° Reunião Ampliada do Colegiado de Deputados do Parlamento Amazônico. O evento está acontecendo na Assembleia Legislativa do Amapá e discute sobre temas importantes como a regularização fundiária e, ainda, temáticas referentes à Zona Franca de Manaus.
Wellington, que também representou o Maranhão na 1ª Reunião do Parlamento Amazônico que aconteceu em agosto, destacou a importância do evento e ressaltou a relevância de se debater sobre questões que acometem o estado do Maranhão, além de discorrer sobre as problemáticas que permeiam os demais estados.
“É com muita honra que represento o Maranhão, pela segunda vez, na reunião do Parlamento Amazônico. A experiência que o Parlamento Amazônico proporciona é de grande relevância, já que a discussão de forma isolada sobre as problemáticas acaba por não ter grande eficácia.  Estarei durante todo o dia debatendo sobre temas importantes e espero levar para o Maranhão a visão crítica que, certamente, implicará em proposições embasadas na sustentabilidade e no bem estar social dos maranhenses”, afirmou o parlamentar.

REI DO GADO INTENSIFICA PREPARAÇÃO PARA GRANDE VAQUEJADA EM GOV. NUNES FREIRE



O vereador Gessimar Luiz conhecido por Rei do Gado (PV) está ultimando as providências para a realização da Primeira Grande Vaquejada de Vila Boa Esperança que acontecerá entre os dias 30 e 31 de outubro e 1º de novembro corrente (2915) no Parque de Vaquejada Mãe Arina, povoado Vila Boa Esperança, município de Gov. Nunes Freire. Além do certame de vaquejada em si, com disputa de prêmios entre seus participantes, haverá intensa programação cultural, com shows de forrós dos cantores e bandas Bigmartt Forrozão, Dhiego Safadão, Tom & Dássio, além da participação especial do cantor Amado Edilson, festejado animador de vaquejadas de todo o Nordeste do Brasil, que atrai multidões de fãs e simpatizantes. De acordo com o organizador, a sua intenção é que esse evento venha integrar o calendário anual de vaquejadas e eventos culturais do município e da região. De acordo com o Rei do Gado “as vaquejadas em geral fazem parte da tradição cultural do nosso estado e especificamente da nossa região, no entanto, a maioria dos parques ficam estabelecidos nas proximidades dos centros urbanos” por conta disso, completou o vereador, “é que resolvi construir um parque de vaquejada na zona rural, com a finalidade de oferecer no seio das comunidades rurais do nosso município oportunidades de lazer e de integração social com a promoção de um evento típico da nossa região, mas com uma qualidade que atenda não só à comunidade local mas também aos competidores de outros municípios e até de outros estados”.



A Vila Boa Esperança - em que acontecerá o evento - fica situado há apenas 28km da sede do município, sendo interligado por excelente estrada vicinal com condições de trafegabilidade mesmo para veículos de pequeno porte. No parque de vaquejada, que leva o nome da mãe do organizador, está sendo construída uma pista com 150 metros de extensão, o que atende aos padrões nacionais para esse tipo de evento. Também existe ampla área de estacionamento e para acampamento de animais e caravanas (fotos). O organizador estima receber durante os três dias do evento mais de 15 mil pessoas, entre competidores e simpatizantes.

Na passarela: Desfiles movimentam a semana do Pátio Norte Shopping.

Ressaltar a beleza e as novas tendências do mercado, esta é a pedida para esta semana. Durante os dias 30 de setembro, 02 e 03 de outubro o Pátio Norte Shopping estará recebendo três grandes eventos de moda que prometem movimentar o público da região.
No dia 30 de setembro acontece a última etapa do Mister Maranhão com o tema “O melhor corpo”. A fase contará com 20 candidatos que estarão representando as diversas cidades do Maranhão. O evento contará também com a presença do Mister São Luís e Mister Continente Brasil 2015, João Gerude e do Mister Maranhão 2014 e Mister Brasil Tur, Stefano de Melo. No mesmo dia ainda acontece o coquetel de lançamento do concurso às 19h, na sala 191 (em frente a Extrafarma). O desfile está marcado para às 16h na praça de alimentação do shopping.

Já no dia 2 de outubro o shopping recebe um desfile super especial em comemoração a inauguração da loja Saltos. O evento irá apresentar ao público um mix de marcas famosas como Camminare, Di Valentini, Cecconello, Vizzano entre outras. O desfile começa às 17h, na praça de alimentação.


E para encerrar, no dia 3 de outubro acontece o desfile “A Cinderela e o príncipe na passarela”. O evento contará com a participação de 14 crianças e 29 adolescentes da comunidade, todos participantes do curso de modelos realizado pela agência M Fashion durante os últimos 2 meses. Na oportunidade os jovens estarão desfilando com produtos das diversas lojas patrocinadoras e apresentando uma peça teatral. A programação começa às 17h, na praça de alimentação. 

Conferência Municipal do PCdoB em Presidente Dutra demonstra fortalecimento do partido

Seguindo a série de Conferências Municipais do Partido Comunista do Brasil no Maranhão, o deputado federal, Rubens Jr., esteve no último domingo (27), na cidade de Presidente Dutra. Acompanhado do presidente do diretório estadual do partido Marcio Jerry e o presidente do diretório municipal Ricardo Lucena, Rubens Jr. destacou a união dos partidos aliados ao governador Flávio Dino pelo desenvolvimento dos municípios.

Na ocasião, o presidente estadual do partido, Marcio Jerry, destacou o projeto mudancista do PCdoB, apoiado pelos partidos aliados, destacando que o ano de 2016 é muito importante para a continuidade do projeto.

O deputado Rubens Jr. lembrou-se da grande campanha realizada em 2014 e que resultou em uma das eleições mais importantes da história do Maranhão. “Quero lembrar aos amigos que aquele foi apenas um passo. Para conseguirmos de fato mudar de uma vez por todas a realidade do nosso estado precisamos de pessoas comprometidas e competentes também nos municípios maranhenses. Em Presidente Dutra não tenho dúvidas que teremos um nome que contemple estes ideais e que contribua com o desenvolvimento desta cidade.” Destacou Rubens.


Varias lideranças estaduais também estiveram presentes como o deputado estadual Fabio Macedo (PDT), os prefeitos Vilson Mineral (PCdoB) de Gonçalves Dias e Hernando Macedo (PCdoB) de Dom Pedro, o superintendente de articulação política da regional de Dom Pedro Sr. Marifran Barbosa, Simone Limeira pré-candidata a prefeita de Grajaú pelo PCdoB, a secretária adjunta do estado da mulher Susan Lucena, Idan Torres, Zé Barela, Dr Orlando PCdoB de Senador Alexandre Costa, Bizial de Joselândia e diversas lideranças locais.

terça-feira, 29 de setembro de 2015

Baixada Maranhense comemora a inauguração do Campus de Pinheiro

PINHEIRO – Praticamente desativado há trinta anos, o campus da Universidade Federal do Maranhão, em Pinheiro, foi oficialmente inaugurado na manhã de ontem pelo reitor Natalino Salgado e pelo governador Flávio Dino. Elevado a condição de Centro de Ciências Humanas, Naturais, Saúde e Tecnologia o novo campus de Pinheiro consolida a interiorização da UFMA na baixada maranhense e transforma sonhos da comunidade baixadeira em realidade. A solenidade contou com a presença de membros da administração superior da UFMA, secretários de estado e representantes de entidade da sociedade civil. 
São seis os cursos em funcionamento, incluindo medicina e enfermagem. De acordo com o diretor do Campus, Rickley Marques, a consolidação do campus da UFMA em Pinheiro é o maior processo de inclusão social existente na baixada maranhense. “Poderemos lutar mais ainda pela melhoria do IDH da região. Este Centro só tende a crescer e se espalhar pela baixada, ajudando-o a melhor os índices de educação”, disse.
Para o reitor Natalino Salgado, a educação e o serviço público devem chegar a quem precisa, pois só assim haverá igualdade social. “Aqui, mais de 70% dos docentes são doutores, crescemos em produção, inovação e atendimento. Temos pressa em romper com o atraso que a sociedade espera. Hoje, o governador inaugurou, também, o Hospital Regional da Baixada Dr. Jackson Lago e, nele, nossos alunos da área da saúde poderão colocar em prática a teoria vivenciada em sala de aula, porque o complexo hospitalar também foi construído com esse objetivo, de servir como um hospital-escola para a Universidade”, afirmou.  O reitor diz acreditar que com a unidade de saúde será mais fácil fixar o profissional na região para que ele atenda a uma carência que ainda é grande.
O governador Flávio Dino disse que a instalação da UFMA na baixada garante mais oportunidade de trabalho, geração de emprego e renda. “O acesso ao ensino superior é um direito de todos e a UFMA veio com essa missão, com o empreendimento do reitor Natalino Salgado, que não mediu esforços para que este sonho se tornasse realidade. A baixada precisava de uma universidade do porte da UFMA. Sou professor dessa universidade há 20 anos e essa é a minha profissão. Não vejo a política como profissão. Então, afirmo que a UFMA pode sempre contar com o governo, com o Estado e tenho a certeza de que a Universidade também cuidará muito bem do hospital que inauguramos e que não é do governo do estado e sim da população”, enfatizou.
O novo prédio possui salas de aula climatizadas, auditório, biblioteca, restaurante universitário, quadra poliesportiva e sala de professores. O campus de Pinheiro possui os cursos de Licenciatura em Ciências Humanas, Ciências Naturais, Educação Física, Enfermagem, Engenharia de Pesca e Medicina. São mais de 100 professores, em sua maioria doutores, mais de 720 estudantes, e mais de 50 técnico-administrativos que compõe o corpo funcional do Centro. 
A estudante de medicina Camile Gonçalves Amorim considerou a entrega do hospital e laboratórios do curso um momento muito importante para a formação acadêmica. Estamos inseridos nesta comunidade, que é muito carente, então é uma alegria muito grande poder contar com esses equipamentos para ajudar na melhoia da atenção basica à saúde da população desta região, exclamou.  
Hospital
Antes da solenidade no Campus de Pinheiro, o reitor Natalino Salgado participou, também na manhã de ontem, da inauguração do Hospital Regional da Baixada Maranhense Dr. Jackson Lago. A unidade de saúde atenderá cerca de 40 municípios da baixada e servirá de campo de estágio para os estudantes de Medicina e Enfermagem da UFMA. O complexo possui 122 leitos, dentre esses, 12 são de UTI e seis de internação intermediária. O hospital conta com 50 enfermeiros e 70 médicos nas mais diversas especialidades, já que será um hospital de média e alta complexidade, o maior da baixada maranhense. 

Deputado Zé Inácio destaca construção de IEMA em Santa Helena

 Deputado Zé Inácio destaca o investimentos em educação no município  da Baixada Maranhense. 
O deputado Zé Inácio (PT) acompanhou o governador Flávio Dino durante visita ao município de Santa Helena, onde foram anunciados investimentos na área da educação.
Na oportunidade, Flavio Dino anunciou a instalação do Instituto Educacional do Maranhão (IEMA), implementado através da Secretaria de Ciência e Tecnologia. 
“A construção do IEMA em Santa Helena é uma demonstração clara do apoio do Governo do Estado à gestão honrada do Prefeito Lobato, como também um apoio principalmente a nossa juventude através da educação, que terá o Iema para se formar e se capacitar.”, ressaltou Zé Inácio. 
Santa Helena está entre os 23 municípios que receberão o Instituto Educacional que será no mesmo formato do instituto federal. 
“O instituto estadual será implementado através da Secretaria de Ciência e Tecnologia e irá capacitar jovens de todo o Maranhão. A Baixada está sendo contemplada com este programa e a instalação de vários IEMAs, uma excelente iniciativa do governador”.
Zé Inácio destaca ainda que o governador selou seu compromisso com Prefeito Lobato e com a população de Santa Helena, anunciando oito (8) quilômetros de pavimentação asfáltica para melhorar as ruas da área urbana do município e também a recuperação da rodovia. “A Baixada está sendo contemplada com vários IEMAs e Santa Helena, pelo que representa naquela região, não poderia deixar de ter essa oportunidade de oferecer aos seus filhos e aqueles que moram no entorno do município a oportunidade de se capacitar, de se formar, porque só podemos fazer as transformações de que o nosso Estado precisa para se desenvolver com inclusão social se tiver um grande, um maciço investimento na educação”, finaliza o parlamentar. 

Deputado Wellington denuncia paralisação das obras da ponte do rio Gangan

 
Na manhã desta terça-feira (29), o deputado estadual Wellington do Curso (PPS) denunciou a paralisação da construção da ponte do rio Gangan e voltou a cobrar informações sobre a obra. Ao retomar a denúncia, o parlamentar fez referência às obras de construção da Ponte Pai Inácio, que foram iniciadas em 24 de agosto do corrente ano e foram paralisadas de forma súbita. Na ocasião, solicitou, mais uma vez, transparência por parte da Prefeitura de São Luís quanto à realização de obras públicas e aplicação de recursos.
Ao se pronunciar, Wellington questionou sobre os motivos que levaram à recente paralisação das obras, já que teve seu lançamento anunciado duas vezes e não se concretizou. Quanto à transparência, o deputado afirmou não entender o motivo pelo qual não há placa de identificação da obra no local, tampouco informações sobre o valor e prazo, o que, segundo ele, faz com que a Prefeitura caminhe na contramão do que a legislação impõe. O parlamentar solicitou, ainda, informações sobre a empresa contratada, sobre o processo licitatório e quanto à aplicação dos recursos, já que quase 8 milhões foram destinados à revitalização e a canalização do Rio Gangan e tais obras não foram realizadas. Além de tais questionamentos, o deputado Wellington destacou a necessidade de se investigar a regulamentação ambiental das obras, já que houve desmatamento das matas ciliares às margens do rio.
“Há mais de 20 dias, trouxemos à tribuna da Assembleia o descaso com o dinheiro público, caracterizado pelo lançamento da construção, anunciado duas vezes, da Ponte do Rio Gangan pela Prefeitura de São Luís. Como se o disparate da paralisação repentina das obras, a falta de transparência e, ainda, o destino incerto de quase 8 milhões de reais não fosse o suficiente, nos deparamos agora com a possibilidade de crimes ambientais. Ora, nós somos a favor da construção da ponte e reconhecemos a importância da obra. Estamos ao lado do povo e é por isso que aqui trazemos os questionamentos da população. Queremos, sim, a ponte, mas não podemos admitir o constante descaso com o dinheiro público, a falta de transparência e informações e, tampouco, a prática de crimes ambientais. Por isso, solicito informações, não apenas para atender aos meus questionamentos, mas para conceder respostas àqueles que estão sendo, diariamente, prejudicados com a recente paralisação das obras de construção da ponte sem motivo aparente: o cidadão maranhense” pontuou.
Entenda o caso:
A construção da Ponte do Rio Gangan, que ligaria os bairros Parque Vitória e Turu, é uma obra que já teve seu lançamento anunciado duas vezes: uma em 2013, outra no dia 24 de agosto de 2015. As obras, que foram retomadas no segundo semestre de 2015, agora estão inertes. Além da súbita suspensão das obras, há a falta de transparência quanto à aplicação dos recursos, já que não há nenhuma placa informando o valor total ou o prazo; tem-se ainda o incerto destino de quase 8 milhões de reais que, a princípio, seriam destinados à revitalização e à canalização do Rio Gangan, obras essas que não foram realizadas. Como se tais irregularidades não fossem o suficiente, há ainda a possibilidade de prática de crimes ambientais por parte da Gestão Municipal durante a realização das obras, já que houve o desmatamento das matas ciliares às margens do rio. Partindo de tal possibilidade, o deputado Wellington solicitou, mais uma vez, informações quanto à aplicação dos recursos e, dessa vez, solicitou investigação quanto à regularidade ambiental das obras. Além disso, Wellington solicitou que a Prefeitura disponibilizasse cópia do Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e/ou Relatório de Impacto Ambiental (RIMA). Os ofícios foram protocolados na tarde de hoje (29) e foram encaminhados à Promotoria do Meio Ambiente, ao IBAMA, à Delegacia de Meio Ambiente e ao Município de São Luís.

Governador inaugura Hospital Regional Dr. Jackson Lago na Baixada Maranhense



Nesta segunda-feira (28), o Governo do Estado inaugurou o Hospital Regional Dr. Jackson Lago, na cidade de Pinheiro. O novo hospital beneficiará mais de 600 mil pessoas que vivem em 34 cidades da região. Os pacientes encaminhados pelos hospitais municipais terão atendimento médico-hospitalar em cirurgia, clínica médica, nefrologia, oftalmologia, anestesia, gastroenterologia, pediatria, neurologia, cardiologia e ginecologia.
“Estamos abrindo hospitais para nunca mais fechar. Este é um momento especial e importante para esta região e para o Maranhão porque estamos dando um passo fundamental no modelo de saúde que acreditamos, estamos recuperando o elemento central da política de saúde, que é a hierarquização, onde o Estado garante uma rede de atendimento para a média e alta complexidade”, afirmou o governador durante a inauguração do hospital.
Flávio Dino lembrou que esse modelo de saúde começou a ser implantado, em 2008, na gestão do ex-governador Jackson Lago, quando inaugurou o hospital de Presidente Dutra. “Chamamos este hospital de Dr. Jackson Lago primeiro por um ato de justiça, porque foi ele que idealizou este projeto e, segundo, por ter sido um grande médico respeitado pelos profissionais de saúde. Este hospital é o símbolo de uma nova fase da política maranhense em que a prioridade é salvar vidas, tratar as pessoas com dignidade”, complementou o governador Flávio Dino.
O hospital estará à disposição dos casos mais graves e atenderá pacientes de média e alta complexidade da região. Com investimento de mais de R$ 21 milhões, do Tesouro Estadual e Governo Federal, o Hospital Dr. Jackson Lago fará com que os pacientes da região da Baixada Maranhense possam ser atendidos próximos de suas cidades, com maior comodidade e conforto, sem precisar fazer grandes deslocamentos até a capital.
“Este hospital servirá para acabar com aquilo que o Dr. Jackson Lago chamava de ‘procissão das ambulâncias’ e reduzir o sofrimento de quem já está doente e precisa estar próximo às suas famílias. A inauguração deste hospital reflete bem uma marca do governo Flávio Dino, que é a de proximidade com as pessoas”, disse o secretário de Estado da Saúde, Marcos Pacheco.
28_09_2015_Inauguração Hospital Dr. Jackson Lago em Pinheiro-MA_Karlos Geromy (169)Na inauguração do hospital, Dra. Clay Lago, esposa do Dr. Jackson Lago, relembrou o entusiasmo e a dedicação do médico e ex-governador do Maranhão. “Este é um sonho que se torna realidade. Quero cumprimentar o governador Flávio Dino que se esforçou bastante para a concretização desta obra e pela sensibilidade que tem demonstrado em relação às causas sociais”, disse Clay Lago ao lembrar a trajetória do seu marido e da importância do hospital para a região.
O deputado Othelino Neto lembrou que este é um sonho para a Baixada Maranhense e que só agora se concretiza. “Temos que lembrar que a pedra fundamental deste hospital já foi lançada três ou quatro vezes, todas com objetivo eleitoreiro. Somente agora, nesta gestão, este importante equipamento de saúde está sendo integre à população da Baixada Maranhense”, disse o deputado.
Hospital de Pinheiro
Através de processo seletivo público, o Governo do Estado contratou 392 funcionários de níveis médio, fundamental, técnico e superior para atuar no hospital. A unidade de saúde será administrada pelo Instituto Acqua, Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (Oscip), que possui gestão de contrato com a Secretaria de Estado da Saúde (SES). O corpo clínico contará com 50 enfermeiros e 70 médicos, aproximadamente. A população terá, ainda, serviço de apoio de diagnóstico, com laboratório, tomografia, Raios-X, ultrassonografia, endoscopia e serviços de oftalmologia.
O hospital regional possui 122 leitos de internação, sendo 26 de clínica médica, 26 leitos de clínica pediátrica, 26 leitos de clínica ortopédica, 26 leitos de clínica cirúrgica, 12 leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e seis leitos de Unidade de Cuidados Intermediários (UCI).
Hospital Dr. Jackson Lago em PinheiroMutirão
A primeira grande ação realizada no hospital aconteceu no último sábado (26) e domingo (27), com mutirão de cirurgias oftalmológicas, nas modalidades de catarata e pterígio. O próximo mutirão será de cirurgias ortopédicas, as consultas já iniciaram nesta segunda-feira (28). Sebastião Ribeiro, 67 anos, pedreiro aguardava há três anos pela cirurgia de catarata. “A operação da vista foi um sucesso, estou feliz demais”, comemorou Sebastião Ribeiro, que fez a cirurgia no domingo (27).
Estiveram na inauguração do hospital, o vice-governador Carlos Brandão; o secretário de Saúde, Marcos Pacheco; Dra. Clay lago; Wagner Lago; o deputado estadual Othelino Neto; o reitor da Universidade Federal do Maranhão, Natalino Salgado; o secretário-chefe da Casa Civil, Marcelo Tavares; o secretário do Trabalho, Julião Amin; o secretário de Estado de Ciência e Tecnologia, Bira do Pindaré; o secretário de Esporte e Lazer, Márcio Jardim; o secretário de Agricultura, Márcio Honaiser; o deputado estadual Zé Inácio; o deputado estadual Antônio Pereira; além do deputado Domingos Erinaldo Sousa, mais conhecido como Toca Serra.
Hospitais Regionais
A proposta de organização da rede assistencial hospitalar do Maranhão, idealizada pelo ex-governador Jackson Lago, consistia em assegurar maior conforto, segurança e praticidade aos pacientes, com um hospital perto de suas casas. Nos próximos seis meses serão inaugurados outros seis hospitais regionais, nos municípios de Santa Inês, Bacabal, Caxias, Imperatriz, Chapadinha e Balsas.
Além da inauguração do Hospital de Pinheiro, o governador Flávio Dino participou da inauguração do Campus da UFMA em Pinheiro, ao lado do reitor Natalino Salgado, secretário Bira do Pindaré, secretário Marcos Pacheco e Dra. Clay Lago.
Municípios Beneficiados com o Hospital Dr. Jackson Lago
Região de Pinheiro: Apicum-Açu, Bacuri, Bequimão, Cedral,Central do Maranhão, Cururupu, Guimarães, Mirinzal, Pedro do Rosário, Peri-Mirim, Pinheiro, Porto Rico do Maranhão,Presidente Sarney, Santa Helena, Serrano do Maranhão,Turiaçu, Turilândia.
Região de Zé Doca: Amapá do Maranhão, Boa Vista do Gurupi, Candido Mendes, Carutapera, Centro Novo, Godofredo Viana, Governador Nunes Freire, Junco do Maranhão, Luis Domingues, Maracaçumé, Maranhãozinho, Presidente Médice, Centro do Guilherme.
Região de Viana: Bacurituba, Palmeirândia, São Bento, Viana.
28_09_2015_Inauguração Hospital Dr. Jackson Lago em Pinheiro-MA_Karlos Geromy (25)
 

Corpo de Bombeiros participa de romaria na cidade de Caxias

 
ROMARIA EM CAXIAS capa
A romaria teve início às 18 horas de domingo (27/09) e finalizou às 06h30min de segunda-feira (28/09), no local de destino, o auto de São Francisco. Durante o cortejo o Corpo de Bombeiros teve apoio da Polícia Militar, Guarda de Trânsito e SAMU.
“Tivemos poucas ocorrências de cunho clínico, causadas, principalmente, por pessoas que não tinham se alimentado direito, e alguns idosos apresentaram sinais de cansaço. Os procedimentos tomados foram: acompanhar a recuperação dos mesmos, tendo em vista que optaram por permanecer no cortejo. E, caso fosse necessário, fazer o deslocamento de possíveis vítimas para o hospital mais próximo”. Afirmou o Capitão Wenzel, Sub Comandante do 5° Batalhão de Bombeiros Militar.
ROMARIA EM CAXIAS 1
O Corpo de Bombeiros esteve a todo o momento presente, atentando para o cuidado com as pessoas que iam se distanciando, além do controle do percurso na via, pois, caso houvesse a necessidade de deslocamento para uma ocorrência, o local já estaria desobstruído. 

Deputado Wellington denuncia precariedade na educação de Davinópolis e solicita políticas públicas para o município

O deputado estadual Wellington do Curso (PPS), vice-presidente da Comissão de Defesa dos Direitos Humanos e das Minorias da Assembleia Legislativa,
durante seu pronunciamento na manhã desta terça-feira (29), denunciou a situação da educação no município de Davinópolis que, segundo ele, não tem recebido a devida atenção do poder público.
"Durante a visita ao município de Davinópolis, nos deparamos com uma escola municipal totalmente abandonada. Trata-se da Escola Municipal Maria Lucilene Moreira, escola mantida pela Prefeitura de Davinópolis e que está com o prédio deteriorado e uma quadra totalmente esquecida. A quadra foi concluída e ficou abandonada? Ou a quadra nem foi concluída e ficou abandonada durante a sua construção?", indagou o parlamentar que solicitou, ainda, encaminhamentos para uma averiguação, pela Comissão de Direitos Humanos da Assembleia, na cidade de Davinópolis, em especial na Escola Municipal Maria Lucilene Moreira, e a revitalização da instituição.
Na ocasião, Wellington apresentou proposições solicitando a perfuração de poços no município, localizado a 8km de Imperatriz.
As proposições do parlamentar foram encaminhadas ao Secretário de Estado de Desenvolvimento Social, Neto Evangelista, solicitando que adotasse providências a fim de realizar a construção de poços artesianos na cidade de Davinópolis, em específico nos Assentamentos Juçara; 1º de Maio e Alegria; e ainda nos Povoados São Raimundo, Mata Grande, Vila São Luís e Alto do Maurício.
Ao se pronunciar, o parlamentar destacou que a construção de poços artesianos nas localidades solicitadas em muito auxiliaria a população de Davinópolis, pois, segundo ele, zelaria pela dignidade humana de cada cidadão davinopolitano.
“Atendendo às demandas da população de Davinópolis, solicitamos, através de indicações, a perfuração de poços artesianos em diversos povoados e assentamentos. É fato que em tais localidades há inúmeras famílias que sofrem com as mazelas de não possuir o sistema de abastecimento de água para consumo em suas casas, o que torna a perfuração de poços uma ação capaz de atenuar tal cenário. Ressalta-se assim não a simples construção de poços, mas o zelo pelo princípio que deve ser preponderante em nosso estado: a dignidade da pessoa humana”, afirmou.

Deputado Zé Inácio destaca construção de IEMAs em Santa Helena

 Deputado Zé Inácio destaca o investimentos em educação no município  da Baixada Maranhense. 
Mas eu quero também fazer referência aqui ao que eu presenciei ontem no município de Sítio Novo, que foi a inauguração de um posto de saúde. Pelo tamanho populacional do município de Sítio Novo, ele não pode ter UPA, não pode receber uma UPA, mas o posto de saúde, nas condições em que foi feito e inaugurado pelo Prefeito João do Pequiá, tem toda uma estrutura e capacidade de atendimento das UPAs como vêm funcionando aqui na capital, em São Luís. Então eu queria fazer esse importante registro de que ontem o município de Sítio Novo estava em festa, não só pela tradição cultural que têm as vaquejadas naquela região, mas, sobretudo, pelo anúncio de várias políticas públicas que o Prefeito Pequiá está implementando naquele município com destaque para a área da saúde, que inclusive está anunciando a construção com recursos próprios, Deputado Othelino, de um hospital municipal no município de Sítio Novo. 
Quero também destacar, além da inauguração do hospital de que nós participamos na manhã de hoje em Pinheiro, dois momentos importantes que tivemos na cidade de Turilândia, onde o Governador Flávio Dino anunciou quatro quilômetros de asfalto, obra que já se iniciou para melhorar as vias urbanas daquele município. O outro momento importante, logo em seguida, no município de Santa Helena, não só o Prefeito Lobato, mas toda a população de Santa Helena, a classe política de Santa Helena, a presença maciça dos vereadores, de toda equipe que compõe a gestão do Prefeito Lobato, todo mundo entusiasmado e comemorando um grande momento político para aquele município. Como eu fiz questão de me referir no pronunciamento que lá fiz, Santa Helena passa a viver um novo momento a partir de hoje não só pelas obras anunciadas pelo Governador Flávio Dino, mas também pelo momento de euforia que passa aquela população na medida em que o Prefeito Lobato mostrou para a população o que tem feito com recurso público daquele município, que é investindo na saúde, na educação, na infraestrutura, na agricultura familiar daquele município. E eu digo ao novo momento a partir de hoje por quê? Porque até então o Prefeito Lobato só tinha o Fundo de Participação do Município, ele não tinha o apoio que foi declarado hoje pelo Governo do Estado, pelo Governador Flávio Dino, pelo que representa o Lobato como parceiro histórico que é do governador. E o governador não só pelo compromisso que tem com o Prefeito Lobato, mas também com a população da Baixada, com a população de Santa Helena que foi lá anunciar várias importantes obras, entre elas oito quilômetros de asfalto para melhorar as ruas do Centro, principalmente a área urbana do município, como também anunciou a recuperação da rodovia que é uma ação de competência do governador do Estado e que o Prefeito Lobato, que era cobrado, e o governador anunciou a recuperação que já se inicia nas próximas semanas. Além de ter anunciado reforma de três escolas de Segundo Grau. Mas mais importante ainda, deputados, foi o
anúncio do Iema. Santa Helena está entre os 23 municípios que receberão o Instituto Educacional que será no mesmo formato do instituto federal. Será o instituto estadual implementado através da Secretaria de Ciência e Tecnologia que tem o Secretário Bira do Pindaré conduzindo essa secretaria e esse importante programa que é de capacitação dos jovens do Maranhão. A Baixada está sendo contemplada com vários Iemas. E Santa Helena, pelo que representa naquela região, não poderia deixar de ter essa oportunidade de oferecer aos filhos de Santa Helena, aos filhos dos municípios que moram no entorno de Santa Helena, ou melhor, na região da Baixada, que vão ter a oportunidade de se capacitar, de se formar, porque só podemos fazer as transformações de que o nosso Estado precisa para se desenvolver com inclusão social se tiver um grande, um maciço investimento na educação. E a construção do IFMA em Santa Helena é uma demonstração clara do apoio do Governo do Estado à gestão honrada do Prefeito Lobato, como também um apoio principalmente a nossa juventude através da educação, que terá o Iema para se formar e se capacitar. Muito obrigado.

São José vence decisão do futsal feminino e mantém hegemonia nos JEMs

final futsal fem 1 lugar(5)

O São José conquistou a medalha de ouro no futsal infanto feminino (15 a 17 anos) da etapa estadual dos Jogos Escolares Maranhenses 2015 (JEMs). Na final, disputada na manhã desta segunda-feira (28), no Ginásio Castelinho, a escola de São Luís manteve a supremacia na modalidade ao golear o Tarquínio Lopes (Carutapera) por 6 a 0, confirmando o título e a vaga nos Jogos Escolares da Juventude, que serão disputados em Londrina (PR).
Contando com o apoio da torcida, o São José precisou de apenas um minuto e meio para abrir o placar diante do Tarquínio Lopes, que se esforçava para buscar o empate, mas sofria com a forte defesa adversária. O São José, por sua vez, aproveitou os erros da escola de Carutapera e marcou mais três gols em três minutos, levando uma vantagem de 4 a 0 para o intervalo.
Na segunda etapa, o São José não diminuiu o ritmo e rapidamente alcançou o quinto gol. Depois disso, a escola recuou e foi pressionada pelo Tarquínio Lopes em alguns momentos, mas o time de Carutapera não conseguiu descontar o prejuízo. Em um contragolpe, já no fim da partida, o São José fez o sexto gol e definiu a goleada.
Capitã e destaque do São José nos JEMs, a atleta Martha Silva comemorou muito o título de sua escola na competição. Para Martha, o São José tem potencial para fazer uma boa campanha nos Jogos Nacionais da Juventude. “A gente trabalhou muito, sabíamos do nosso potencial e treinamos muito, tivemos muita disposição física dentro de quadra. Agora, vamos treinar muito para a competição nacional, pois nosso objetivo é trazer o primeiro lugar”, afirmou.
Estado do Acre fica com a medalha de bronze
Na decisão do terceiro lugar do futsal feminino dos JEMs, o Estado do Acre, de Axixá, fez uma partida equilibrada contra o Cebama (Imperatriz), mas conquistou a vitória por 3 a 2 e faturou a medalha de bronze. O professor José Ribamar Veloso elogiou as suas atletas e valorizou a conquista da escola no Castelinho.
“Nosso sentimento é de dever cumprido, pois lutamos contra grandes equipes. Espero que, no ano que vem, a gente faça uma campanha ainda melhor, sabemos que isso é um trabalho a médio e longo prazo, mas esse terceiro lugar está de bom tamanho. Estou muito feliz pela minha equipe”, comemorou Veloso.

Prefeitura incentiva produção para abastecer escolas; agricultores comemoram nova renda

 
Prefeitura incentiva produção para abastecer escolas; agricultores comemoram nova rendaO dia começou às 4h da madrugada para Abinozoete Reis Castro, 48 anos, moradora da comunidade Coquilho, na zona rural, distante cerca de 30 km do centro de São Luís. Acompanhada do marido, Raimundo Nonato Ferreira Castro, e do sobrinho, Melquesedeque dos Santos Castro, ela começou a manhã fazendo uma entrega de frutas, verduras e hortaliças. A correria é rotina para a agricultora e empresária desde abril deste ano, quando ela começou a vender para a Prefeitura de São Luís os produtos que plantou.
Os vegetais cultivados por Abinozoete e por outros 200 agricultores, agrupados em associações e cooperativas, complementam a alimentação da rede escolar da capital maranhense, beneficiando os mais de 90 mil alunos com porções diárias de frutas, verduras, hortaliças e sucos naturais. "Esse programa gera um ciclo produtivo que beneficia a todos os participantes: desde o agricultor, que encontra aqui a oportunidade de ampliar a renda e lucrar com o trabalho que desenvolve no campo sem perder a sua essência e para as crianças, que precisam de uma alimentação nutritiva, saudável e fresca. Temos inovado com a utilização de produtos regionais além das frutas e verduras comuns e isso, além de tudo, agrega também valores culturais e de nossa terra ao dia a dia dos nossos estudantes", disse o prefeito Edivaldo.
Abinozoete aprendeu a plantar logo cedo, ainda criança, quando ajudava os pais a cuidarem da lavoura, no povoado de Anajatiua, em Pedrinhas. Vieram a juventude, o casamento, filhos, e, durante muito tempo, Abinozoete trabalhou em casa de família e restaurantes para ajudar o marido a sustentar a casa. A mudança brusca e que a transformou em liderança comunitária e produtora rural aconteceu há vinte anos, quando ela se mudou para o bairro do Coquilho. "Quando cheguei aqui, já existia um grupo de mulheres produtoras rurais. Com o pouco que eu já sabia sobre plantio e aprendendo no dia a dia com elas, comecei a produzir alimentos para o meu próprio sustento e da minha família. Não demorou muito e eu comecei a produzir para vender nas feiras livres de São Luís e no mercado do João Paulo", relembra a agricultora.
Segundo ela, foram muitas as dificuldades antes de começar a produzir alimentos para o seu sustento e da família. "Passamos muita necessidade. Tanta, que até para manter os filhos na escola era difícil", assegura Abinozoete. Hoje, com os três filhos criados, ela se diz realizada com o que tem colhido do fruto de seu trabalho como produtora rural. Dos três filhos de Abinozoete, dois estão concluindo a faculdade e já se integraram aos negócios da família.
Com o crescimento da produção, eles ajudam na entrega de alimentos para as escolas, preenchem os papeis para a prestação de contas com o Município, participam das reuniões, do plantio, da colheita e do que for necessário para manter a produção em alta. De fato, a agricultura fez bem a Abinozoete e sua família. A agricultora empresária tem hoje uma sobrado na avenida principal do bairro Coquilho, um pequeno caminhão para entrega dos produtos e um carro de passeio com carroceria, além de alguns hectares de terra com hortaliças, frutas e legumes plantados.
PNAE
Para participar da chamada pública e ser selecionada para a entrega de alimentos para as escolas da rede municipal de São Luís, Abinozoete teve que aumentar a produção em torno de 30%, o que lhe proporcionou também aumento de renda. A entrega é feita por meio da Associação Beneficente Educativa Produtiva Cultural dos Moradores de Coquilho e Adjacências, com a qual foi formalizado o contrato com a Prefeitura, a partir de recursos do Pnae. Ela representa e coordena o grupo de aproximadamente 80 produtores rurais, gerenciando os interesses e trabalhando para que as entregas sejam feitas dentro dos dias e prazos determinados.
Entre os alimentos entregues nas escolas, estão melancia, feijão verde, quiabo, maxixe, macaxeira, couve, cebolinha, cheiro verde, abóbora, vinagreira, banana, limão, salsinha, laranja, tomate e cebola.
FAMÍLIA PLANTA UNIDA
Gilson dos Santos Silva, 35 anos, é casado e pai de cinco filhos. Ele é um dos agricultores que produz para a alimentação escolar e, integrado à Associação do Cinturão Verde da Vila Sarney, foi selecionado para a chamada pública. Natural de Humberto de Campos, ele veio ainda bem jovem para São Luís 'tentar a sorte', como ele mesmo declara. "Vim sozinho, aos 15 anos. Minha mãe não queria que eu viesse, mas eu precisava arriscar", recordou.
Gilson mora há 17 anos na Campina, como é chamada a área loteada para agricultores da Associação Cinturão Verde do bairro do Maracanã. O aprendizado da agricultura veio de ajudar o pai na roça de macaxeira. Desde que fez o cadastro na associação, a variedade de cultivo cresceu – e muito. Gilson se dedicou ao plantio e colheita de vegetais e verduras, como laranja, mamão, melancia, banana, abóbora, quiabo, maxixe e macaxeira.
Desde que começou a fazer entrega para as escolas da rede municipal, Gilson diz que aumentou sua produção em 50%. Com isso, além da esposa e dos filhos, trouxe o irmão e o cunhado do município de São Benedito para ajudá-lo. Como a maioria dos produtores da zona rural de São Luís, Gilson também vende seus produtos no mercado do João Paulo. "Para o meu sustento de todo dia, vendo na feira. Para ampliar o negócio e aumentar a minha renda forneço para a Prefeitura, que faz o pagamento por produção. Recebo o meu dinheiro certinho, bem vendido. O programa veio para nos ajudar. Nenhum outro prefeito tinha olhado para a gente antes. Edivaldo está de parabéns", assinalou o agricultor.
Gêneros são entregues toda semana em 250 escolas
Além da Associação do Cinturão Verde, da Associação Beneficente Educativa Produtiva Cultural dos Moradores de Coquilho e Adjacências, a Prefeitura de São Luís também adquire gêneros alimentícios, pagos com recursos do Pnae, do Instituto Educacional Beneficente Alto da Vitória. Os gêneros são entregues às sextas e segundas-feiras pelos próprios agricultores, que organizam as rotas com a supervisão e acompanhamento da Secretaria Municipal de Educação (Semed). Toda semana, as três associações de agricultores, somadas, entregam às escolas da rede municipal mais de trinta toneladas de alimentos.
Com o auxílio de nutricionista, as frutas e verduras complementam o cardápio diário das Unidades de Educação Básica (U.E.B.) de São Luís, que hoje é feito por uma empresa terceirizada. "A nutricionista organiza a distribuição desses gêneros que complementam o cardápio, de modo a garantir a quantidade necessária de carboidrato, gordura e proteína necessária ao desenvolvimento em cada faixa etária", explicou a superintendente da área de Apoio ao Educando da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Samira Simas.
Para o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, além de aumentar a renda dos agricultores, a ação ajuda a promover hábitos de alimentação saudável desde a infância. "Esta iniciativa é parte do compromisso da gestão do prefeito Edivaldo de promover educação e saúde para a cidade. A partir da complementação da alimentação escolar, aumentamos a quantidade e o valor nutricional das refeições, valorizamos os agricultores locais e servimos frutas, verduras e hortaliças todos os dias aos estudantes. O maior retorno que temos é o impacto positivo que esta ação teve em nossas escolas", afirmou o secretário.
A iniciativa também tem contribuído com a valorização da cultura local, através da adição de alimentos típicos na comida das crianças. No mês de junho, além dos alimentos costumeiramente oferecidos, as escolas receberam, durante uma semana, vegetais típicos das festas juninas como milho, batata doce, macaxeira e coco seco, colaborando com a realização das festas juninas das escolas.
No último dia 18 de setembro, a Prefeitura de São Luís realizou o I Festival da Juçara da Rede Municipal, incluindo, pela primeira vez, a bebida no cardápio das escolas. Foram 18 mil litros de juçara entregues em todas as unidades de educação básica do município.