terça-feira, 30 de dezembro de 2014

Imirante concede direito de resposta ao Dr. José Enésio Matos

SÃO LUÍS – O advogado e empresário Enésio José Matos negou a acusação de que teria efetuado disparos em via pública nessa segunda-feira (29), no bairro Maranhão Novo. Por telefone, ele conversou com a reportagem do Imirante.com e contou detalhes do que chamou de “flagrante preparado”.
De acordo com o advogado, na tarde de ontem, ele estava com a mãe em frente ao bar, de onde é proprietário, na avenida A, quando dois policiais militares se dirigiram a ele. Ele confirmou que, poucos minutos antes, bebia com dois amigos, que deixaram o local antes da chegada dos PMs.
Ele contou que o cabo Fonseca e o soldado Guilherme Costa da guarnição do Ipase pediram para revistá-lo, pois havia uma denúncia anônima que apontava o advogado como autor de disparos no local. “Permiti sem problema. Só tinha minha carteira e o celular no bolso”, afirma.
Em seguida, os policiais pediram para revistar o carro de Matos, uma caminhonete S10 prata, que segundo relato, estava estacionado em frente ao bar. O advogado, porém, não permitiu. “Questionei por testemunhas, travei a caminhonete e não permiti porque não tinham mandado judicial. Fiquei inseguro em deixá-los fazerem a busca”, explica.
Apesar disso, de acordo com Matos, após insistir sem sucesso, o soldado conseguiu destravar o veículo. “Para minha surpresa, ele surge com uma arma. Não é minha. Não tenho necessidade de andar armado. Em minha defesa, alego flagrante preparado”, declara.
Voz de prisão
O advogado recebeu, em seguida, voz de prisão. Ele, ainda, reclamou da atitude dos policiais, que pretendiam algemá-lo. “O policial disse: ‘algeme e jogue na mala’. Eu não sairia algemado. O uso de algemas é só em casos extremos”, contesta.
O advogado foi levado ao Distrito Policial do Bequimão e interrogado pela delegada de plantão Viviane Azambuja, que o atuou em flagrante por porte ilegal e desacato. “A delegada lavrou flagrante baseado, exclusivamente, nos depoimentos dos policiais”, argumentou.
Matos ressaltou que se colocou a disposição para fazer o exame de corpo de delito, o que, segundo ele, não houve. “Se eu tivesse atirado, eu teria pólvora de armas nas mãos”, se defende.
Ele ficou alojado no Comando Geral da Polícia Militar do Maranhão, e a defesa entrou com pedido de relaxamento da prisão.

Réveillon “Luz e Alegria” marcará a chegada de 2015 em Paço do Lumiar


paço reveillon
A festa será animada pelo Forrozão Tropykália, Wylley Gomes, ex- vocalista da banda Furacão do Forró, e bandas locais a partir das 19h de 31/12, no Viva Maiobão. O Réveillon “Luz e Alegria” da Prefeitura de Paço do Lumiar marcará a chegada do ano de 2015 com muita alegria, paz e total segurança aos luminenses.
A banda Forrozão Tropykália subirá ao palco à meia noite com o seu consagrado repertório. Entre as músicas de sucesso, destaque para “Planeta de Cores”, no vocal de Carlinhos Gabriel e Klébia Camargo. O cantor Willey Gomes e a banda Forró do Boyzinho pretendem levantar o público com o hit do verão 2015, “Lapadinha”, uma mistura de forró e arrocha romântico.
Um efetivo de 20 policiais militares e homens da segurança privada garantirão a segurança do público que se deslocará para a festa de Ano Novo, no Viva Maiobão. A segurança também será intensificada no entorno do evento, com o apoio da Delegacia Especial do Maiobão que funcionará em regime de plantão. Ambulâncias do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência – SAMU ficarão de prontidão no local do evento.
O secretário de Cultura, Fernando Muniz, conta que este a programação da virada de ano foi pensada como uma festa de confraternização entre pessoas todas as faixas etárias. “Estamos trazendo duas bandas consagradas nacionalmente e temos a convicção que será uma festa pra cima, onde o público se divertirá do começo ao fim, e com total segurança”, afirmou o secretário.

Posse no Crea-MA

Engenheiro Cleudson Costa assumirá presidência do Crea-MA
Engenheiro Cleudson Costa assumirá presidência do Crea-MO engenheiro mecânico Cleudson Campos de Anchieta, eleito no dia 19 de novembro de 2014 presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Maranhão (Crea-MA), para o triênio 2015/2017, toma Posse Administrativa, hoje (30 de dezembro), a partir das 19h no plenário do Conselho, na Cândido Mendes, 540, Centro.
Na solenidade, que será comandada pela Plenária do Crea-MA, apenas Cleudson Campos de Anchieta, tomará posse. “Vivenciamos no dia 19/11 um momento extremamente democrático e importante para o futuro do nosso Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Maranhão. Obrigado a todos Profissionais da Engenharia pela confiança depositada em nossa pessoa para representar o nosso Conselho”, disse o novo presidente do Crea-MA, Cleudson Campos de Anchieta.
Cleudson Campos de Anchieta foi membro da Frente Parlamentar pela Engenharia na Câmara dos Deputados, Cleudson Campos é autor e relator do projeto que aprovou no plenário do Conselho Federal de Engenharia e Agronomia o reconhecimento do Clube de Engenharia (CEMA), Associação dos Engenheiros Agrônomos do Maranhão (AEMA) e Universidade Estadual do Maranhão (UEMA), como precursoras do sistema CONFEA/CREA.
Além da atuação como engenheiro mecânico e empreendedor, conta com experiência de um mandato de Conselheiro Federal, como representante do SENGE/MA, no Conselho Federal de Engenharia e Agronomia (CONFEA), de 2011 a 2013, sendo reconhecido por seu notável desempenho e compromisso com o a entidade e seus representados.
Ainda estão sendo acertados detalhes como dia, hora e local onde será realizada a posse festiva do novo presidente do Crea-MA, Cleudson Campos de Anchieta, e da nova diretoria. O anúncio do evento será feito nos meios de comunicação do Crea-MA e na mídia, assim que houver definições pertinentes à realização da solenidade.
Mais
O CREA-MA é o órgão de fiscalização, de controle, de orientação e de aprimoramento do exercício a das atividades profissionais da Engenharia, da Agronomia, da Geologia, da Geografia e da Meteorologia, em seus níveis médio e superior, no território de sua jurisdição. Além disso, é promotora de condição para o exercício, para a fiscalização e para o aprimoramento das atividades profissionais, podendo ser exercida isoladamente ou em conjunto com o CONFEA, com os demais CREAS, com as entidades de classe de profissionais e as instituições de ensino nele registradas ou com órgãos públicos de fiscalização.

Prefeitura ultrapassa 60 mil atendimentos pelo Programa Saúde na Escola (PSE)

A Prefeitura de São Luís contabilizou 61.551 atendimentos realizados por meio do Programa Saúde na Escola (PSE) em 2014. O programa, aplicado em parceria com o governo federal, é desenvolvido em São Luís por meio de uma articulação entre as secretarias municipais de Educação (Semed) e Saúde (Semus). Através do programa, a Prefeitura de São Luís aplica atividades de saúde preventiva com os estudantes da rede municipal de ensino.
Entre as ações realizadas em 2014 estão avaliações de saúde bucal, oftalmológica e atividades de promoção de alimentação saudável, atividades físicas, prevenção de Doenças Sexualmente Transmissíveis (DSTs) e do uso de álcool e drogas. O programa segue a política do prefeito Edivaldo de garantia de atenção integral ao bem-estar e à qualidade de vida das crianças e adolescentes de São Luís.
O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, destacou a importância do programa dentro do processo educacional. “Por meio do programa, oferecemos aprendizado que transcende as paredes da sala de aula e representa uma verdadeira oportunidade para o exercício da cidadania. Agradeço o empenho da equipe da Semed e ainda a todos os parceiros da Semus, que trabalham de forma conjunta para promover qualidade de vida aos nossos educandos", disse.

A maior parte dos atendimentos corresponde às atividades do eixo de práticas corporais e atividades físicas: 8.844 atendimentos a estudantes. Por intermédio de jogos, brincadeiras e esportes, o PSE busca estimular o desenvolvimento físico e motor dos estudantes da Educação Básica, desenvolvendo ainda o senso de cooperação, o trabalho em equipe e a superação de limites pessoais.
O segundo eixo de atividades com o maior número de atendimentos realizados foi o de ações visando à promoção de uma cultura de paz nas escolas (8.518 atendimentos). Prevenção de violência contra crianças e adolescentes, contra o bullying, combate ao preconceito e estímulo à resolução de conflitos através do diálogo foram algumas atividades aplicadas ao longo do ano pelo PSE.
A equipe do programa, composta por técnicos das secretarias de Saúde e Educação, realiza ainda nas escolas a avaliação antropométrica, com o objetivo de monitorar o desenvolvimento das crianças e identificar condições como desnutrição ou obesidade. Em 2014, foram feitas 3.987 avaliações. Também são monitoradas a acuidade visual (4.449 avaliações), a audição (5.319) e a saúde bucal (2.418).
Para potencializar as ações realizadas, a Prefeitura de São Luís entregou ainda, ao longo do ano de 2014, escovódromos e estadiômetros para 54 escolas da rede municipal e estadual de ensino. O escovódromo é um equipamento portátil com lavatório, torneira e espelho, destinado à higiene bucal dos educandos. Já os estadiômetros servem para medir a estatura dos alunos, possibilitando maior exatidão na avaliação antropométrica.
 ATENDIMENTOS REALIZADOS PELO PSE EM 2014
Avaliação antropométrica: 3.987
Avaliação de acuidade visual: 4.449
Consultas oftalmológicas: 908
Avaliação da saúde bucal: 2.418
Verificação da situação vacinal: 2.685
Identificação de Sinais de Agravos de Saúde: 2.336
Segurança Alimentar e Promoção da Alimentação Saudável: 2.829
Promoção de Práticas Corporais e Atividades Físicas nas Escolas: 8.844
Educação para a Saúde Sexual, Saúde Reprodutiva e Prevenção das DST/Aids: 8.204
Prevenção ao uso de álcool, tabaco e outras drogas: 8.204
Promoção da cultura de paz: 8.518
Saúde Ambiental: 2.829
Capacitações: 21 professores

segunda-feira, 29 de dezembro de 2014

Astro toma posse dia 1º garantindo modernizar a Câmara Municipal


O vereador Astro de Ogum (PMN), toma posse às 13 horas do dia 1º de janeiro na presidência da Câmara Municipal de São Luis, em evento que acontecerá no Plenário Simão Estácio da Silveira. Astro de Ogum substituirá ao atual presidente, Isaías Pereirinha (PSL), que encerra um ciclo de cinco mandatos presidenciais consecutivos.
O presidente eleito do Legislativo Municipal tem reafirmado sua disposição em estabelecer uma administração dinâmica, moderna, com foco na valorização daquele poder e do funcionalismo. Dentre suas metas, está a realização de concurso público.
“Estou substituindo um companheiro de longas datas, parceiro de muitas batalhas, um homem valoroso, um político sensível, que dignifica esta casa parlamentar”, disse Astro de Ogum, ao destacar que Pereirinha fez, ao longo desse tempo, um trabalho dentro das possibilidades dele e que não pode ser responsabilizado sozinho pelas falhas.
Astro de Ogum é o único remanescente do grupo de vereadores eleito no ano 2000, que continua no mandato de forma ininterrupta. Líder espiritual, político e com forte foco na cultura popular, ele foi eleito e reeleito vice-presidente e este ano conquistou a presidência da Câmara por aclamação.
“Tenho o dever e a obrigação de realizar um trabalho à altura das expectativas da população de São Luis e de meus companheiros de parlamento, que me possibilitaram chegar à direção desta Casa por unanimidade. É uma grande responsabilidade, um grande desafio, e todos poderão ter certeza de que farei tudo para honrar essa confiabilidade”, disse o vereador Astro de Ogum.
Mesa Diretora
A Mesa Diretora que irá dirigir a Câmara no biênio 2015/2017 é constituída pelos vereadores Astro de Ogum (PMN), presidente; Francisco Carvalho (PSL), 1º Vice-presidente; Josué Pinheiro (PSDC), 2º Vice-presidente; Ricardo Diniz (PHS), 3º Vice-presidente; Pavão Filho (PDT), 1º Secretário; Pedro Lucas (PTB), 2º Secretário; Marlon Garcia (PTdoB), 3º Secretário; Paulo Luiz (PRB), 4º Secretário, e Professor Lisboa (PCdoB), 5º Secretário.

Mérito na Educação municipal

Secretário Geraldo Castro Sobrinho entre dezenas de professores inscritos para cursos de formação continuada
Secretário Geraldo Castro Sobrinho entre dezenas de professores inscritos para cursos de formação continuada
O secretário municipal de Educação, Geraldo Castro Sobrinho, continua sendo um dos melhores quadros da equipe de auxiliares do prefeito de São Luís, Edivaldo Holanda Júnior. Participativo, ele acompanha de perto as ações desenvolvidas por sua pasta, o que tem sido decisivo para o bom andamento dos trabalhos na rede de ensino municipal da capital. Como bom conhecedor das práticas educacionais, Geraldo faz questão de manter contato próximo com estudantes e professores e frequentemente troca a rotina em seu gabinete pela presença em salas de aula de diferentes escolas da capital.
Geraldo Castro conversar com alunos em sala de aula
Geraldo Castro Sobrinho conversar com alunos em sala de aula
O titular da Semed procura vivenciar de perto a realidade das escolas e mantém diálogo aberto com os educadores. Também é extremamente atencioso com os estudantes, que a cada dia o reconhecem como um gestor comprometido e retribuem o bom tratamento com carinho. Tais características fazem de Geraldo um dos gestores mais efetivos do Município, tornando a Semed um dos órgãos da administração municipal com melhor avaliação.
Às vésperas de completar um ano e dois meses no cargo, Geraldo vem tocando com vigor e competência as ações da pasta e já começa colhe os frutos do eficiente trabalho, a exemplo dos prêmios conquistados em novembro por dois alunos em um concurso de redação e desenho promovido recentemente pelo Ministério Público do Maranhão e pela Biblioteca Pública Benedito Leite.
Secretário recebe carinho de alunos da rede municipal de ensino
Secretário recebe carinho de alunos da rede municipal de ensino
O secretário também dedica atenção especial aos docentes, estimulando em toda a rede a formação continuada dos profissionais de educação. Seguindo essa filosofia, ele deu pleno apoio ao professor Antônio Motta Ferro, aprovado em agosto para participar de um curso de aprimoramento em Física em Portugal e na Suíça, promovido pela Sociedade Brasileira de Física e pela Escola de Física, em parceria com a Organização Europeia para a Pesquisa Nuclear (CERN).
Desde que assumiu a pasta, Geraldo Castro Sobrinho vem contabilizando sucessivas conquistas. Mesmo com a última greve de professores, que se estendeu por longos 105 dias, o sistema de ensino do Município exibe uma dinâmica que favorece  o aprendizado. Findada a paralisação, as aulas seguem a todo vapor, de modo a recuperar o tempo perdido e proporcionar aos estudantes o melhor aproveitamento possível dos conteúdos.
O prefeito Edivaldo Holanda Júnior foi muito feliz ao escolher Geraldo para compor a sua equipe. Ciente da confiança nele depositada, o secretário segue firme no propósito de fazer o melhor pelo futuro das dezenas de milhares de estudantes matriculados na rede municipal de ensino.

Universidade Ceuma tem cursos bem avaliados pelo MEC

Uma das turmas de formandos em Medicina nos 10 anos de existência do curso
Uma das turmas de formandos em Medicina em 10 anos de existência do curso
Sete curso de graduação da Universidade Ceuma obtiveram nota satisfatória no Conceito Preliminar de Curso (CPC), sistema adotado pelo Ministério da Educação (MEC) para avaliar as Instituições de Ensino Superior (IES) no país. Em uma escala que vai de 1 a 5, os cursos de Fisioterapia, Fonoaudiologia e Serviço Social receberam nota 4. O CPC atribuiu nota 3 aos cursos de Medicina, Enfermagem, Farmácia e Nutrição.
Para a coordenadora do curso de Serviço Social, Núbia da Luz Martins Gomes Soares, “a nota foi uma conquista dos alunos, professores e da Universidade. No conjunto, fazemos educação de qualidade, compromisso, e empenho”. “Estou muito feliz. O curso de Serviço Social da Universidade Ceuma recebeu uma nota que beirou a máxima, o que comprova a qualidade não apenas da nossa graduação como de todas as outras que também foram avaliadas pelo MEC e receberam conceito bom. Grande parte dos alunos que buscam uma graduação na instituição estão interessadas na qualidade dos cursos que oferecemos”, disse.
De acordo com o novo coordenador do curso de Medicina da Universidade Ceuma, Ivan Abreu Figueiredo, a avaliação do MEC mostra que o curso da instituição está em constante evolução. “Vemos essa nota três do curso de Medicina com alegria, como um progresso do nosso curso, mas ainda não estamos satisfeitos com ela. Nossa meta é elevar o curso de Medicina a uma nota mais alta, que inclusive é mais condizente com o esforço que está sendo feito em conjunto, para que o estudante tenha uma boa formação”, afirmou.
Outro mecanismo de avaliação que comprova o constante crescimento do curso de Medicina da Universidade Ceuma é a grande aprovação dos formandos nas provas de Residência Médica. “O número de vagas de residências corresponde a 25% do número de formandos, e nesse universo de que três alunos ficam de fora e só um é contemplado, nós temos alcançado bons resultados com nossas turmas de formados”, pontuou.
Conceito Preliminar de Curso avaliou os seguintes cursos da Universidade Ceuma:
Cursos Nota 4
Fisioterapia
Fonoaudiologia
Serviço Social
Cursos Nota 3
Medicina
Enfermagem
Farmácia
Nutrição

Mensagem de fim de ano de Zé Inácio aos maranhenses




Comunicação Democrática: Robson Paz fala sobre os planos do governador eleito Flávio Dino para o setor

Em entrevista, o futuro secretario estadual de Comunicação, Robson Paz, explica as atividades que serão desenvolvidas através dos próximos 4 anos.



 
Escalado para gerir a Comunicação do Maranhão, o jornalista Robson Paz, recebeu a reportagem de O Imparcial para conceder de forma exclusiva uma entrevista para falar dos seus planos e do futuro governador para um dos setores mais importantes e estratégicos do governo.

Flávio Dino (PCdoB) tem anunciado seu plano em investir de forma descentralizada na mídia e promover uma democracia. Robson informa que a ideia é investir em jornais regionais, rádios comunitárias e blogs para que o máximo de pessoas seja atingidas pela informação e quebrar o latifúndio político que hoje existe no Maranhão.

Robson ainda aproveita para falar sobre sua gestão na secretaria Municipal de Comunicação, pasta esta em que ele ficou como titular por nove meses.

Confira na íntegra a entrevista:

Robson o que será de fato essa "comunicação democrática" que o governo Flávio Dino planeja implantar?

Antes de tudo, trata-se de uma comunicação cidadã em que a população tenha, de fato, pluralidade de veículos, de vozes e, consequentemente, garantido o direito de acesso irrestrito às informações. É necessário superar o modelo atual de comunicação monopolista em que poucas famílias com forte atuação política são proprietárias da absoluta maioria das emissoras de TV, rádio, jornais e portais de internet no Estado. Há, portanto, um cenário de latifúndio midiático que priva a população de informações essenciais na medida em que cabe a este pequeno grupo de privilegiados decidir o que deve ou não ser de conhecimento da população.

Com quem vocês pretendem dialogar para promover essa democracia na comunicação?

Com todos aqueles que estejam dispostos a contribuir para que o Maranhão experimente um tempo de mudança e democracia também na comunicação. Este é um trabalho que será desenvolvido a muitas mãos. Vamos buscar todos os meios de comunicação, os profissionais, entidades representativas das categorias, as universidades, movimentos sociais. Enfim, será uma ação conjunta em prol da efetiva comunicação como direito humano e, portanto, essencialmente democrática e participativa.

Nesse curto período de transição que você participou o que já foi possível perceber que precisa ser melhorado na próxima gestão no setor da comunicação?

A transição praticamente inexistiu como em quase todas as áreas. Tivemos duas reuniões com a secretária Carla Georgina, mas as informações repassadas são muito superficiais. Portanto, insuficientes para fazer um diagnóstico preciso. A realidade em sua plenitude, nós só vamos conhecer a partir do dia 2 de janeiro de 2015, após tomarmos posse e começarmos o trabalho na Secretaria.

Porém, de pronto é notório que muita coisa precisa ser melhorada e essa é uma determinação do governador Flávio Dino. A principal delas é estabelecer uma política de comunicação pública integrada, democrática, transparente e com a implantação de canais diretos com a população, respeitando a diversidade de cada região.

Nas últimas semanas houve uma polêmica com a Rádio Timbira. O que há de fato?


Houve a tentativa de parte da mídia ligada ao grupo Sarney em passar a idéia de que eu teria elogiado uma pretensa modernização da Rádio Timbira. Fato que, por óbvio, não é verdadeiro. Estive nos estúdios e no parque de transmissores da emissora, a convite do ex-gestor Juraci Filho, e o que constatei foi o esforço dele enquanto profissional, dentro das condições que lhe foram oferecidas, para manter a rádio no ar. Mas, algo incipiente para a grandeza e potencialidade da Rádio Timbira. 

Ter um ou outro equipamento moderno em nada reduz a responsabilidade dos sucessivos governos de Roseana Sarney em deixar sucateada e abandonada a emissora. Isto ocorreu desde seu primeiro mandato. De 1995, quando houve a extinção da Rádio Timbira, até 2014, quando foi proibida a participação dos ouvintes nos programas da emissora. Ou seja, algo inconcebível para uma rádio pública. Censura em pleno século 21. Outra prova contundente do abandono da emissora são atuais níveis de audiência.

Além da rádio e do portal, existe uma expectativa de colocar outras plataformas em funcionamento?

Claro! Democratizar a comunicação é também disponibilizar à população um amplo leque de veículos, plataformas e ferramentas. O governador Flávio Dino já anunciou como uma das prioridades a reestruturação da Rádio Timbira. Vamos elaborar uma nova grade de programação com os cidadãos sendo partícipes do processo. Enfatizar a interação com os ouvintes e internautas por meio também das redes sociais. 

Ampliar a cobertura da rádio com a presença em todas as regiões numa grande rede de rádios, especialmente comunitárias, além de implantarmos o portal da Timbira com informações de interesse público em todas as áreas.

Além disso, implantaremos canais diretos para comunicar melhor com a população. Hoje, temos um avanço significativo da internet no país com 42% das pessoas se informando por este meio. A força da internet, especialmente das redes sociais, restou provado na última eleição, apesar de nosso Estado ostentar índices vergonhosos em relação a outros estados. Temos a terceira pior média de intensidade de uso da internet com 3h52min à frente apenas do Amapá e Roraima. Ainda assim, as redes sociais tem sido relevantes para que a população consiga sair do cerco da mídia tradicional.

E sobre a internet o que está sendo pensado? 

Flávio Dino diz querer universalizar o acesso. Como afirmei nosso estado apresenta os menores índices de frequência de uso da internet com 21% de pessoas que usam este meio de comunicação sete dias por semana. Uma das propostas do governador Flávio Dino é desenvolver programas e projetos que possam reverter este cenário a partir da ampliação de internet de banda larga. A inclusão digital no Estado será desenvolvida com ações intersetoriais envolvendo várias secretarias.

Flávio Dino ainda diz em fornecer apoio a rádios comunitárias, jornais regionais e blogs noticiosos. Qual é a estratégia aqui discutida na Comunicação?
É preciso pensar a comunicação pública fora da lógica meramente publicitária. Esse é um modelo esgotado e que a própria população reprovou ao eleger Flávio Dino governador do Estado. Veja bem, por décadas a população foi bombardeada com publicidade e propaganda à exaustão. Na maioria das vezes, a propaganda confrontou a realidade. Precisamos associar à publicidade, informação e ações de comunicação cidadã. Buscar novas formas de comunicação direta com efetiva participação popular.

A grande extensão territorial do Estado somando ao elevado índice de analfabetismo torna o rádio um veículo forte, em parte das regiões chega a ser o principal meio de comunicação. Nesse contexto, teremos o fortalecimento da comunicação comunitária a partir de uma rede pública, liderada pela Rádio Timbira. Trata-se aqui de comunicação pública em que prevalecerá informação de interesse público. Espaço para discutir o estado. Em outra frente, haverá política de fortalecimento da comunicação regionalizada, respeitando as diversidades locais. O modelo adotado que privilegia as principais praças, como São Luís e Imperatriz, ficará para trás, com a valorização dos jornais regionais e blogs. Esta outra ferramenta importante que ocupa cada vez mais espaço na mídia estadual e terá do governo o apoio necessário obedecidos critérios técnicos, científicos e éticos.

O senhor como secretário de Comunicação participou da constituição do Conselho de Comunicação, o que isso traz de contribuição? Planeja-se fazer o mesmo no estado?
Este foi um processo exitoso iniciado pelo ex-secretário municipal de Comunicação, Márcio Jerry, que demos continuidade por entender ser um instrumento importante no planejamento, elaboração e acompanhamento das políticas públicas de comunicação. Passo essencial para democratizar o processo na medida em que oportuniza também a participação da sociedade civil organizada e confere mais transparência à comunicação. Por se tratar de um instrumento relevante, de forma intersetorial com a participação da Secretaria de Direitos Humanos e Participação Popular, haveremos de discutir e implantar também em nível estadual.
O senhor está se despedindo da Comunicação de São Luís, faça um balanço do seu trabalho.
Estamos concluindo um ciclo relativamente breve de oito meses à frente da Secretaria Municipal de Comunicação, mas integro a gestão do prefeito Edivaldo desde o início, portanto, há dois anos. 

Avalio que acumulamos conquistas importantes, como a Lei que cria o Conselho Municipal de Comunicação; o processo em andamento no Ministério das Comunicações, que solicita outorga para implantar o Canal da Cidadania digital e em canal aberto; a modernização do portal da Prefeitura, conferindo mais dinamismo, serviços e interatividade com a população, a radioweb e TV Prefeitura. Enfim, a despeito das dificuldades enfrentadas, disponibilizamos várias ferramentas que são e serão úteis no processo de comunicação do município.

CURURUPU NO MAR DE LAMAS


O Ministério Público do Maranhão ajuizou Ação Civil Pública por ato de improbidade administrativa com pedido de indisponibilidade de bens contra o prefeito de Cururupu, José Carlos de Almeida Júnior, mais conhecido como Júnior Franco; o secretário municipal de Educação, Adaildo José Borges; a chefe de gabinete, Enilde Soares Azevedo; os vereadores José Henrique Ferreira e João Sousa; o presidente da Comissão Permanente de Licitação (CPL), Luis Sérgio Pinheiro; a secretária da CPL, Soray Rabelo Castro; o procurador-geral do Município de Cururupu, José Flávio Costa Mendes; a componente da CPL, Ilana Patricia Pires; além dos proprietários da Colibra Construção e Locação e Serviços LTDA, Manoel Batista Ferreira Lima e Telma Maria Lima Viegas. Eles são acusados de fraudar a licitação para contratar a empresa Colibra Construção e Locação e Serviços LTDA, especializada na prestação de serviços terceirizados de transporte escolar em Cururupu, no valor de R$ 1.051.119,36 milhão. Por isso, o MPMA pediu à Justiça a decretação de nulidade do contrato e o ressarcimento do prejuízo causado aos cofres públicos, por meio da indisponibilidade dos bens dos acusados.
Para investigar a oferta do serviço, a promotora de justiça Alessandra Darub Alves requisitou cópias do procedimento licitatório, contratos de prestação de serviço de transporte escolar, relação dos veículos que fazem o serviço de transporte escolar, cópia dos certificados de registro de licenciamento dos veículos, carteiras de habilitação dos condutores, vistos de fiscalização dos veículos expedidos pelo Detran e descrição das linhas e itinerários.
Com base na análise dos documentos, feita pela Assessoria Técnica da Procuradoria Geral de Justiça, o MPMA constatou uma série de irregularidades: ausência de parecer jurídico sobre a licitação, exame e aprovação da minuta do edital; o preâmbulo do edital não define local, dia e hora para recebimento da documentação e proposta e também para abertura dos envelopes com as propostas; falta de publicação do edital na imprensa oficial; ausência de especificações previstas no Código de Trânsito Brasileiro (CTB) para condução de estudantes; falta de pesquisa de preços correntes do mercado; e subcontratação integral de transporte escolar.
Ao realizar diligências, o MPMA descobriu que os veículos não atendem aos requisitos previstos no CTB em relação à identificação para transporte escolar, falta de cintos de segurança em número igual à lotação e ausência de equipamento registrador de velocidade e os automóveis encontram-se em estado precário de conservação.
Outro agravante é o fato de a contratada – Colibra Construção e Locação e Serviços LTDA – não possuir nenhum veículo para prestar o serviço de transporte escolar.  Foi constatada pela Promotoria de Justiça de Cururupu a sublocação de todos os automóveis, e estes possuem documentação irregular. “A ocorrência de subcontratação integral dos serviços licitados é ilegal, causando prejuízo ao erário e aos estudantes usuários do transporte”.
O Ministério Público descobriu, ainda, que os subcontratados na maioria foram cabos eleitorais do prefeito José Carlos de Almeida na eleição de 2012 ou são esposas ou companheiras de vereadores da base aliada do chefe do executivo municipal, de servidores e membros da comissão de licitação.
O total dos valores pagos aos oito subcontratados pela Colibra é de R$ 52.100 mil, enquanto o Município de Cururupu repassou à empresa R$ 74.033,64 mil. “A subcontratação de serviços de transporte escolar a preços inferiores aos acordados com a prefeitura foi detectada em praticamente todos os itinerários”.
O MPMA questiona a prática de ato doloso pelos acusados, uma vez que não fiscalizaram adequadamente a prestação dos serviços de transporte, permitindo que o serviço fosse realizado em condições precárias com a agravante da subcontratação irregular. “Os agentes públicos, réus pregoeiros e o prefeito tinham a obrigação legal de averiguar se a empresa possuía condições técnicas para cumprir o estabelecido no edital de licitação. Entretanto, permitiram e consagraram vencedora sem que tivesse qualificação técnica”, afirma Alessandra Darub.
Além do pedido de declaração de nulidade do contrato com a Colibra, por fraude, a Promotoria de Justiça de Cururupu também solicitou ao Poder Judiciário a condenação dos acusados por improbidade administrativa, com a respectiva perda da função pública, suspensão dos direitos políticos pelo prazo de cinco a oito anos, proibição de contratar com o poder público ou receber benefícios ou incentivos fiscais e pagamento de multa civil de até 100 vezes a remuneração recebida pelos demandados.

terça-feira, 23 de dezembro de 2014

Presidente do Incra dá posse a superintendente do Instituto no Maranhão

Tomou posse nesta terça-feira (23), em Brasília, o novo superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) do Maranhão, Jowberth Frank Alves da Silva, de 39 anos. A portaria de nomeação foi assinada no último dia 19 e publicada no Diário Oficial da União (D.O.U) de 22 dezembro de 2014. 
O novo superintendente é formado em Sociologia pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM), é professor concursado da rede pública estadual, atuou na área administrativa da Delegacia Regional do Trabalho e na Delegacia Regional do Ministério do Desenvolvimento Agrário (DFDA/AM). Atualmente, ocupava o cargo de coordenador Estadual de Regularização Fundiária da Amazônia Legal no estado do Maranhão.

O presidente do Incra, Carlos Guedes, deu posse a Jowberth Frank ressaltando que o interesse do Instituto é que a sua gestão assegure o acesso a terra e efetive o ingresso dos agricultores aos novos programas e ações do Instituto, como as chamadas públicas para contratação de assistência técnica e serviços de infraestrutura, o Sistema de Gestão Fundiária (Sigef), a Sala da Cidadania - a física e a virtual, para emissão de documentos e renegociação de dívidas -, o Programa Nacional de Educação na Reforma Agrária (Pronera) e a nova forma de crédito, agora com a segurança do pagamento individual por meio de cartão magnético.

Guedes destacou ainda a participação do Incra/MA como fundamental para o cumprimento das metas nacionais do Instituto. Atualmente, o estado possui 4,6 milhões de hectares destinados à reforma agrária, distribuídos em 1005 assentamentos (130.131 mil famílias). "O Maranhão faz parte do Matopiba (Maranhão, Tocantins, Paraíba e Bahia), que é região de maior dinâmica da agricultura do Brasil e a maior fronteira agrícola da atualidade", lembrou o presidente, que pediu atenção a essa particularidade.

Jowberth Frank recebeu as orientações e destacou que a "complexidade fundiária do Maranhão exigirá o máximo de dedicação e empenho para que sejam encontradas soluções rápidas e eficazes para a ampliação do acesso à terra e para o desenvolvimento dos assentamentos criados".

Bar do Chico é o mais novo point de São Luís

O melhor happy hour é no Bar do Chico, na entrada do Maranhão Novo, tradicional ponto de encontro à sombra da amendoeira. Localização privilegiada, em frente ao Shopping da Ilha. Sob nova direção: Enésio Guerreiro Matos.

segunda-feira, 22 de dezembro de 2014

Orçamento de São Luís 2015 é aprovado sem emendas

Contando com a presença de vinte e oito (28) vereadores em plenário, estiveram ausentes da sessão Luciana Mendes (PCdoB), Ricardo Diniz (PHS) e Roberto Rocha Junior (PSB), a Câmara Municipal de São Luís aprovou, no início da tarde desta segunda-feira, (22), sem nenhuma emenda das oitenta e cinco (85) apresentadas, a LOA (Lei Orçamentária Anual) para o Poder Executivo executar no ano de 2015, tendo votado contra a peça orçamentária Fábio Câmara (PMDB) e Rose Sales (PCdoB), a exemplo do comportamento assumido em 2014.
Logo no início da sessão o vereador José Joaquim (PSDB), relator da LOA, fez a apresentação do relatório da Comissão de Orçamento, informando que seis (06) vereadores apresentaram oitenta e cinco (85) emendas, sendo setenta e oito (78) indicativas e sete (07) modificativas, o que corresponde mais de R$ 169 milhões. Todas as emendas foram rejeitadas pois não atendiam aos requisitos do artigo 166 da Constituição Federal. O vereador tucano ainda falou que estão garantidos na Secretaria Municipal de Governo R$ 32 milhões para as emendas impositivas, o que cada vereador tem direito a uma.
Os parlamentares peemedebista e comunista criticaram bastante o orçamento, tendo o primeiro enfatizado bastante o que considera pressa na votação, enquanto a segunda chegou a classificar a LOA como “um engodo”. A dupla centrou seus argumentos principalmente no montante de R$ 23 milhões destinados para a área de comunicação. Respondendo para o vereador do PMDB o presidente do Legislativo Ludovicense, vereador Antonio Isaias Pereirinha (PSL), lembrou que a matéria tramitou na Casa por mais de setenta (70) dias, além da realização de audiência e encontros com secretários municipais e entre os vereadores, “e não pode está sendo votada a toque de caixa”, arrematou ele.
Manifestação
Já os vereadores Osmar Filho (PSB) e Marquinhos (PRB) dirigiram-se a dupla oposicionista falando que reconheciam o posicionamento dos colegas, “mas vossa Excelência não acompanhou o trabalho da Comissão de Orçamento, além de dizer que em suas palavras você procura colocar esta Casa numa situação delicada, e quero acrescentar que esta Casa tem respeito, altivez e luta”, disse o socialista para o peemedebista. Por sua vez o representante do partido republicano pontuou: “mas é necessário que tenhamos coerência e respeito com a coisa pública”.
O presidente da Comissão de Orçamento, Ivaldo Rodrigues (PDT), acentuou que “nós cumprimos a risca todo o planejamento de trabalho para o tramite da LOA, numa forma de apresentar um trabalho transparente não só para esta Casa como para a população, para a sociedade”. Ainda fizeram uso da palavra os vereadores Pedro Lucas (PTB), Francisco Chaguinhas (PSB), Pavão Filho (PDT), fazendo abordagem acerca da peça orçamentária, e Sérgio Frota (PSDB), aproveitando para fazer sua despedida da Câmara Municipal.

Sociólogo Jowberth Alves é nomeado superintendente do Incra no Maranhão

Na presença do superintendente José Inácio Rodrigues, Jowbert fala a famílias de trabalhadores rurais durante evento promovido pelo Incra
Na presença do ex-superintendente José Inácio e de lideranças rurais, Jowbert fala a famílias de lavradores
O sociólogo Jowberth Frank Alves da Silva, que até recentemente coordenava o programa Terra Legal no Maranhão é o novo superintendente regional do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). A portaria informando a nomeação do novo gestor do órgão no estado foi publicada nesta segunda-feira (22), no Diário Oficial da União (DOU).
Jowberth tem especialização acadêmica em Políticas Públicas na Universidade do Amazonas e já solucionou conflitos de terra e promoveu a regularização fundiária em diferentes regiões maranhenses, o que lhe garantiu o apoio de vários segmentos importantes ligados ao setor agrário.
Um dos que reconheceu a eficiência do trabalho realizado por Jowberth foi o Sindicato Nacional dos Peritos Federais e Agrários (SindPFA), regional Maranhão, que recentemente aprovou moção defendendo a indicação dele para o cargo. ” a indicação de Jowberth Frank Alves da Silva desponta como uma, senão a melhor indicação para a Superintendência deste órgão público (o Incra) de maior aproximação do homem do campo e de inegáveis ações promotoras de justiça social ao agricultor familiar”, assinala o SindPFA.
“No desempenho de seu papel como coordenador do programa Terra Legal, contornou com extrema habilidade conflitos existentes entre movimentos sociais no campo e fazendeiros na região sul do estado, evitando conflitos, como, por exemplo, o da Fazenda Cipó Cortado, culminando com a retomada pacífica da área, permitindo o assentamento de famílias pelo Incra”, acrescenta a entidade sindical.
Realizações
Portaria informando nomeação do sociólogo, publicada hoje no DOU
Portaria informando nomeação do sociólogo, publicada hoje no DOU

Desde quando assumiu a coordenação do programa Terra Legal, Jowberth já promoveu uma série de realizações, entre as quais a titulação de famílias posseiras nas regiões do Alto Turi, Gurupi e Tocantina, levando o Maranhão a se destacar nacionalmente nas ações de realização fundiária. Ao todo, já foram tituladas, na gestão do coordenador, cerca de 1.200 famílias de trabalhadores rurais. Também já foram destinados cerca de 50 mil hectares para áreas urbanas dos municípios, beneficiando cerca de 200 mil famílias.
A atuação de Jowbert também se destaca pela mediação e solução de conflitos entre os movimentos de trabalhadores rurais e supostos grileiros da região Tocantina, para onde, por meio do programa Terra Legal, já foram destinados pelo Incra ceca de 2.700 hectares para criação de projetos de assentamento, beneficiando diretamente cerca de 144 famílias que há anos estavam em acampamentos nos arredores de fazendas.
Agora superintendente regional do Incra, o sociólogo tem plenas condições de tornar ainda mais dinâmica a política de reforma agrária no estado.

domingo, 21 de dezembro de 2014

Chegada do Papai Noel marca o início do Natal de Paço do Lumiar

Papai Noel entrega doces a crianças durante sua passagem pelo conjunto Maiobão
Papai Noel entrega doces a crianças no Maiobão; ao fundo, o prefeito Josemar e a primeira-dama, Ivone Coqueiro
O período de comemorações natalinas da Prefeitura Municipal de Paço do Lumiar foi aberto oficialmente nesta quinta-feira, 18, com a chegada do Papai Noel, que distribuiu simpatia e conquistou as crianças pelas avenidas do conjunto Maiobão, ao som da tocata da banda municipal “La Roque”.
O Papai Noel foi representado pelo presidente da Associação de Condutores de Veículos de Tração Animal da Ilha de São Luís, Raimundo João Moraes de Matos, morador da Vila Nazaré. Emocionado em estar representando o símbolo do natal de maior aceitação do público infantil, ele disse que se sentiu muito valorizado pela escolha. “Estou muito honrado em estar representando o Papai Noel e ver a alegria no rosto e no abraço de cada criança”, contou o senhor Raimundo João.
Papai Noel puxa cortejo, seguido pela banda municipal "La Rocque"
Personificado pelo sindicalista Raimundo Matos, Papai Noel puxa cortejo, seguido pela banda “La Rocque”
Ana Luísa, 04 anos, disse que, quando ouviu as músicas natalinas e que viu o Papai Noel, pediu para a mãe para ir ver o cortejo. “O Papai Noel me abraçou e deu bombons. Fiquei muito feliz”, disse.
A programação do “Natal: Um Paço de Luz”, do município, é uma promoção das secretarias municipais de Desenvolvimento Social (SEMDES), Agricultura Pesca e Abastecimento (SEMAPA), e Cultura, Esporte e Lazer (SEMCEL).
O prefeito professor Josemar Sobreiro (PR) acompanhou todo o percurso da tocata juntamente com as secretárias, Ivone Oliveira, SEMDES, Rosany Aranha, SEMAPA e Fernando Muniz, SEMCEL, e enfatizou que na sua administração visa valorizar nos eventos culturais os artistas e personagens do município.
Na oportunidade, foi aberta também, a I Feira Natalina Luminense e Sarau Literário, no Viva Maiobão, com a participação de 50 artesãos lumineneses e membros da academia luminense de letras. O evento tem o objetivo de divulgar o artesanato e as obras literárias produzidas na região.
Cantata foi uma das atrações da abertura da programação de Natal em Paço do Lumiar
Cantata foi uma das atrações da abertura da programação de Natal em Paço do Lumiar, no Viva Maiobão
Durante a feira, várias apresentações culturais abrilhantaram a primeira noite do Natal da Prefeitura de Paço do Lumiar. Passaram pelo palco do Viva Maiobão, a banda municipal “La Roque”, com o seu repertório variado de músicas natalinas e populares, e ainda, o coral dos pacientes do CAPS, e um momento literário com a declamação de poemas pelos membros da Academia Luminense de Letras.
No local, está disponível para visitação durante todo o dia, um presépio em tamanho natural, confeccionado pelo artista plástico Antônio Melo.
De acordo com a secretária de Desenvolvimento Social, Ivone Oliveira, a economia solidária é um setor em constante crescimento em Paço do Lumiar, e os artesãos precisam de espaços permanentes de divulgação e popularização das suas produções.
Artigos artesanais com motivos da época foram comercializados I Feira Natalina Luminense
Artigos artesanais como árvores e jarros decorados foram comercializados na I Feira Natalina Luminense
“Reunimos nesta feira parte dos artesãos do nosso município. Realizamos ostensivamente ações de incentivo à produção e reaproveitamento de materiais para fins artesanais, colaborando com o meio ambiente e contribuindo para a geração de renda e autonomia financeira”, afirmou Ivone Oliveira.
Programação “Natal: Um Paço de Luz”
19/ 12– “I FEIRA DE ARTESANATO NATALINA LUMINESE E SARAU LITERÁRIO”
Desfile de roupas e acessórios confeccionados pelos artesãos, exposição e venda de artesanato luminense feito à base da fibra do buriti, bananeira, escamas, conchas, biscuit, E.V.A, materiais recicláveis e flores.
Local: Viva Maiobão
Horário: A partir das 18h
19/12 – CANTATA NATALINA NA SEDE DE PAÇO DO LUMIAR
Local: Praça de Nossa Senhora da Luz – Sede
Horário: 20h
Mensagem Bíblica
Apresentações dos Corais da Rede Municipal de Ensino e dos Idosos de Paço do Lumiar, do Ballet “O Senhor é Contigo”, e da Banda Municipal Corporação Musical La Roque e artistas locais.
20/12 – CANTATA NATALINA NO MAIOBÃO
Local: Viva Maiobão
Horário: 18h
Mensagem Bíblica
Apresentações dos Corais da Rede Municipal de Ensino e dos Idosos de Paço do Lumiar, do Ballet “O Senhor é Contigo”, e da Banda Municipal Corporação Musical La Roque e artistas locais e visitação ao Presépio.

Robson Paz constata sucateamento da Rádio Timbira nos governos Roseana

O radialista Juracy Filho é um profissional competente e unicamente pelo seu esforço e de outros profissionais a Rádio Timbira foi colocada no ar de forma precária por justamente não ser prioridade de todos os governos Roseana Sarney a Rádio dos maranhenses.
Foi justamente esta a constatação do futuro secretário de comunicação do Maranhão, Robson Paz em visita à emissora. “Sobre visita à Rádio Timbira: Uma coisa é reconhecer esforço e dedicação de um gestor para colocar uma emissora de rádio no ar…Outra é o sucateamento e abandono da Rádio Timbira promovido por sucessivos governos de Roseana Sarney”, afirmou Robson Paz nas redes sociais.
O futuro secretário de Comunicação do Estado tem dito que fará a reformulação necessária da Rádio Timbira, sucateada por Roseana. Nova programação, alcance e participação social estão na pauta da reformulação que Paz irá promover.
O grupo Sarney está virando especialista em “informar” que visita de futuros secretários quer dizer transição tranquila e deturpar falas para tentar contrapor o que dizem os futuros auxiliares e o governador eleito.
paztimbira

sábado, 20 de dezembro de 2014

Wellington do Curso é oficialmente diplomado deputado estadual

Na tarde dessa sexta-feira (19), Wellington do Curso, eleito deputado estadual pelo PPS, foi oficialmente diplomado para assumir o parlamento em 1º de fevereiro de 2015.

Wellington é educador, professor e fundador do Curso Wellington, que começou com apenas quatro alunos em sala de aula e, ao longo dos últimos 18 anos transformou-se no maior preparatório para concursos e vestibulares do Maranhão, sempre ajudando as pessoas a mudarem de vida através da Educação. 
De origem humilde, mas sempre determinado e batalhador, o atual deputado estudou em escola pública e começou a trabalhar desde os seus 14 anos como empacotador em supermercado e vendedor de frutas na rua.
Durante 15 anos, Wellington serviu ao Exército como sargento. Sempre defendendo a igualdade de oportunidades para todos. 
Carlos Wellington se  candidatou a deputado federal em 2010 pelo PSL, obtendo mais de 23 mil votos.
Em 2012, ainda no PSL, tentou se candidatar ao cargo de vereador de São Luís, do qual foi covardemente impedido de concorrer. 
Pela primeira vez, foi candidato a deputado estadual, em 2014, agora pelo PPS e obteve mais de 22 mil votos conscientes, consequência de uma campanha limpa, sem dinheiro público e sem padrinhos políticos. Sua bandeira política durante o período eleitoral foi pautada na Educação e na esperança de dias melhores para o Maranhão.
Sempre temente a Deus, Wellington do Curso segue confiante rumo a Assembleia Legislativa para ser, não só mais um deputado, mas para ser um deputado atuante e comprometido com as mudanças que o Maranhão almeja.
"A Deus toda honra e toda glória! Obrigado, Deus! Obrigado, Maranhão! Por amor ao Maranhão, honrarei cada voto recebido e cada maranhense, pois o mandato é de todos vocês", agradeceu o parlamentar.

sexta-feira, 19 de dezembro de 2014

UFMA GANHARÁ MODERNO NÚCLEO DE ARTES

Reitor Natalino Salgado assinou ordem de serviço para início da obra
SÃO LUÍS – Os cursos de Artes Visuais, Música e Teatro da UFMA ganharão um novo prédio com dois pavimentos em uma área de nove mil metros quadrados. O reitor Natalino Salgado assinou hoje a ordem de serviço para o início das obras do espaço, batizado de Núcleo de Artes, com prazo de entrega para dezoito meses.  
A solenidade foi realizada no Centro de Ciências Humanas da UFMA e contou com as presenças dos coordenadores e chefes de Departamento das habilitações artísticas, de alunos representando o Centro Acadêmico de Teatro e Artes Visuais e dos professores que lideraram o projeto que originou o futuro Núcleo de Artes.
O prédio abrigará galeria de artes, salas de cinema e laboratórios para o desenvolvimento de atividades dos diferentes segmentos, como pintura, desenho, fotografia, escultura, dentre outras. A obra está orçada em R$ 12.757.088,26 e deve começar logo no início do ano.
O curso de Teatro terá em suas instalações sala para caracterização cenotécnica, expressão vocal, corporal, sala de dança e auditório com dois camarins e um palco. “Esse Centro é um sonho se tornando realidade, tendo em vista o comprometimento de todos os professores e do reitor para com as artes”, afirmou a aluna do curso de Teatro, Dayana Gomes.
A professora do Departamento de Artes Visuais, Ana Teresa Desterro Rabelo, conhecida como Estrelinha, lembrou como tudo começou. “Esse projeto do Núcleo teve início, primeiramente, com o pessoal do teatro que tinha planos de criar um teatro dentro da UFMA. Após essa primeira ideia, os demais cursos se uniram”, contou. O diretor do Departamento de Assuntos Culturais - DAC, Gersino dos Santos, disse ainda que o projeto inicial era no formato de um octógono. “Um espaço livre para trabalhar a arte, e hoje se transformou nesse prédio grandioso”, exultou.
Segundo o reitor Natalino Salgado, o futuro Núcleo de Artes é o resultado de uma idéia compartilhada, em um processo de integração das expressões artísticas, como espaço de transdisciplinaridade na Universidade. “Esse é um momento para selar o compromisso de várias pessoas na luta pela melhoria da UFMA. Não se constrói nada de um dia para o outro, pois precisamos de trabalho e união. Será feito um esforço imenso para que a inauguração aconteça até outubro, onde realizaremos uma grande comemoração”, enfatizou.