domingo, 31 de agosto de 2014

(Em época de eleição, todos falam nela!)


O assunto mais importante para todos nós é o da saúde. Sem esta, tudo, ou quase tudo, se torna irrelevante.Segundo recente pesquisa sobre o tema divulgada no 19/08/2014, 93% dos brasileiros estão insatisfeitos com os nossos serviços públicos e privados.

E não é para menos. Os nossos hospitais, unidades básicas e postos de saúde estão, em sua maioria, ruins, deteriorados, funcionando precariamente e sem condições de atender a demanda da população. Poucos são os que reúnem condições adequadas. Sem falar nas filas para marcação de consultas, exames, procedimentos e tratamentos que aumentam a cada ano. Quantos, nesse momento, esperam por um desses procedimentos nas filas que andam devagar!
E nos serviços suplementares, embora em melhores condições que os serviços públicos, a situação não é confortável.

Os profissionais públicos e privados mal valorizados com salários corroídos pela inflação trabalham excessivamente. Que o digam os enfermeiros e técnicos/auxiliares com as suas extenuantes cargas horárias!

Dentre várias situações uma é alarmante: a diminuição do número de leitos hospitalares nos últimos anos, algo em torno de 12.000 em todo o Brasil, apesar do crescimento da população.

Coincidentemente, a saúde é cada vez menos financiada pelo governo federal, o que compromete as receitas dos estados e municípios. Em 2002, o governo federal era responsável por 54% dos investimentos em saúde. Hoje, é responsável por apenas 44%. O governo federal não investe em saúde mais do que 4% do seu orçamento.

Além de mais recursos de fontes regulares, uma eficiente gestão do sistema faz-se necessária. E com maior rigor quanto ao uso do dinheiro público. Para isto, é preciso desaparelhar o estado tão aviltado pelos patrimonialistas e maus políticos de plantão.

Um deputado federal que tenha compromisso com a saúde tem por obrigação lutar por maiores recursos regulares para a saúde, tanto federais como estaduais;
pela valorização de seus profissionais com o estabelecimento de plano de carreiras para médicos, enfermeiros, técnicos e demais funcionários;
por leis que deixem as instituições do setor menos dependentes da política e melhor dirigidas por seus funcionários de carreira;
por políticas de saúde voltadas para a integração dos municípios em suas vocações por meio dos Consórcios Municipais de Saúde, etc.

Cabe-me lembrar que no Maranhão, o médico e ex-governador Jackson Lago, injustamente cassado, tinha a intenção de construir 5 grandes hospitais regionais (só teve tempo de construir o de Presidente Dutra; porém, antes de ser cassado, deixou o dinheiro depositado em contas das prefeituras de outras 4 cidades para a construção dos mesmos!) para atender às demandas crescentes de atendimento de urgência e emergências, além de cirurgias e tratamentos de média e alta complexidade.

É preciso retomar a construção dos mesmos e, ao mesmo tempo, atuar na atenção primária com investimentos vultosos no Programa Saúde da Família que progrediu muito pouco nos últimos anos.

Costumo dizer que o Programa Saúde da Família significa Mais Médicos, Mais Enfermeiros, Mais Técnicos e Mais Agentes de Saúde.

Recursos para a Saúde não representam gastos mas, sim, investimentos.

"É preciso acreditar; desistir, jamais."

 
Por Prof. Sá Marques
Experiência única: Panfletagem com o meu candidato a deputado estadual Wellington Wellington do Curso, pessoa por quem passei a nutrir sentimento de família e respeito, enquanto profissional (pela valorização laboral) e como pessoa (pelo bem que fez e faz a muita gente humilde, bem antes dos seus projetos políticos).

Nas panfletagens em que acompanhei Wellington, a rejeição da população à política é patente, acintosa. Mesmo assim, deparei-me com uma situação que me deixou extremamente orgulhoso: quando digo que sou professor, as pessoas "desarmam os seus espíritos", recebem, na maioria esmagadora das vezes, o material de divulgação e  levam com o ar de que  irão ler.

É muito interessante a experiência, é salutar, é de causar forte sentimento de esperança da boa política, e a visualização da vitória de pessoas que a gente vê vencendo, colabora com esse processo. Mas, acima de tudo, é a esperança de que possam atender aos anseios do povo como o todo.

O Maranhão precisa avançar, as pessoas precisam acreditar, e a nossa credibilidade é o arcabouço da vitória de Wellington.
Wellington do Curso, a Assembléia Legislativa o aguarda - EU ACREDITO/EU VOTO CONSCIENTE.

Sá Marques é Funcionário Público Estadual e Professor de História e Direito.

Antônio Pereira é recebido com festas no Povoado Alto Brasil e em Estreito

O deputado Antônio Pereira (DEM) - candidato à reeleição para o quarto mandato na Assembleia Legislativa – foi recebido com grandes festas populares, ao visitar o Povoado Alto Brasil e Estreito, acompanhado da esposa Caroline Pereira e assessores.     

No Alto Brasil – uma comunidade de 14 mil pessoas de Grajaú - Antônio Pereira foi recebido por lideranças e pela multidão, comandadas pelo prefeito, Júnior Otsuka e pelo líder político, Neto. O candidato a deputado federal, Aluísio Mendes, também recebeu apoio.      

Em seu discurso, o prefeito Júnior Otsuka reafirmou seu apoio à reeleição de Antônio Pereira, e declarou que a vitória do deputado é a vitória do povo de Grajaú. “Nossas obras mais importantes são frutos de parcerias realizadas com Antônio Pereira”, afirmou. 

O líder político, Neto, declarou que o Alto Brasil apóia a reeleição de Antônio Pereira, porque a comunidade reconhece a importância da parceria de trabalho com o deputado, que com certeza vai continuar melhorando da qualidade de vida da população de Grajaú. 

                              O TRABALHO VAI CONTINUAR 

Em Estreito, Antônio Pereira também foi cortejado e recebeu apoio de milhares de eleitores à sua reeleição para o quarto mandato. A recepção contou com a presença do prefeito Cícero  Morais, o “Cicinho”, vereadores e de expressivas lideranças do município.      

Durante os eventos, o deputado Antônio Pereira expôs seu  trabalho durante os três mandatos, e prometeu continuar lutando para levar os benefícios que a população cobra e tem direito, na Assembleia Legislativa e nas demais esferas de poder.     

Médicos maranhenses aprovam propostas de Flávio para a Saúde

O encontro de Flávio Dino com médicos no Conselho Regional de Medicina na última terça (26) rendeu bons frutos para o candidato a Governador e para a categoria. No evento em que explicou a quase 200 profissionais suas propostas para melhorar o sistema de saúde do Maranhão, Dino falou também sobre suas ideias para ampliar o acesso ao tratamento de saúde no Maranhão.
Com auditório lotado, os médicos maranhenses puderam ouvir do próprio Flávio Dino suas considerações a respeito da Saúde Pública no Maranhão. O assunto mais polêmico foi a proposta de criação do programa “Mais Médicos Estadual”, que foi esclarecido pelo candidato.
Dino afirmou aos participantes do evento que o seu projeto é o de criar a carreira médica para os profissionais que decidirem seguir o serviço público e usou como comparação as carreiras do Poder Judiciário. “Isso fará com que mais médicos queiram trabalhar no interior, tenham garantias trabalhistas e não dependam de apadrinhamento,” disse. A proposta foi aplaudida por todo o auditório.
Outro ponto destacado da proposta que ganhou o apoio da categoria que ouviu Flávio Dino foi a estruturação da rede de residência médica no Maranhão. Dados levantados por colaboradores do Programa de Governo de Flávio Dino apontam uma demanda represada na área de cerca de 2/3 de profissionais que concluem a universidade mas não podem seguir a especialização por falta de vagas. Dino falou ainda da abertura de mais um curso de Medicina no estado e possibilitar a formação de mais maranhenses na profissão.
Esse e outros temas debatidos durante mais de 3 horas entre o candidato e médicos reunidos em São Luís despertaram o apoio de profissionais da Medicina em nome da campanha de Flávio Dino. Os médicos fizeram perguntas para o candidato e ouviram suas propostas no que diz respeito à contratação de profissional,d e políticas públicas para prevenção de doenças e da criação de um Plano Diretor de Investimentos na Saúde Pública, a fim de ter ações planejadas e regionalizadas para organizar o antedimento em todo o estado.
“As transformações vão ser pactuadas com o CRM. Vamos ouvir a categoria e também apresentar os pontos que entendemos que devem ser prioridade no Governo. A exemplo do que acontece aqui hoje,” disse Dino. O médico Giuliano Moura elogiou a iniciativa do CRM em convidar o candidato e afirmou que ele esclareceu muitas dúvidas da categoria para projetos em um eventual Governo.
Ao longo da palestra, diversos profissionais elogiaram as propostas de Flávio Dino e afirmaram que o candidato tem preparo para conduzir o Sistema de Saúde no Estado. “Nós viemos aqui para ouvir a sua proposta. Não foi surpresa que o senhor está preparado, porém foi muito positivo conhecer com mais profundidade suas propostas,” disse o médico Ubirani Nascimento.
Para Rui Palhano, as propostas de Dino para a categoria e para o sistema de Saúde são consistentes e devem mudar o panorama da Saúde no Maranhão para melhor. “Seu pensamento coincide com as reivindicações da classe médica. Isso ficou claro na sua fala e na transparência com que tratou o tema da Saúde Pública,” disse.
Flávio Dino foi recebido pela diretoria do Conselho Regional de Medicina e se comprometeu a dialogar com a categoria para elaborar um plano de ação que estruture o atendimento no Maranhão, caso seja eleito.

Prefeitura divulga programação cultural do 402º aniversário de São Luís

 

 Presidente da Func, Francisco Gonçalves, explica que a programação deste ano vai contemplar os vários públicos existentes na cidadeA Prefeitura de São Luís divulgou nesta sexta-feira (29) a programação cultural do aniversário de 402 anos de fundação da cidade. A programação tem início na próxima sexta-feira (5) e prossegue até dia 14 de setembro. Seguindo a determinação do prefeito Edivaldo, o evento terá a participação de diversos segmentos culturais da cidade, incluindo o reggae que marcará a abertura da programação. Além disso, a programação contará ainda com o Festival Internacional de Folclore.
“Este ano optamos por trabalhar uma programação visando à nova dinâmica da cidade, com os diferentes públicos dela e ao mesmo tempo reunindo sua população para a celebração da alegria e da vida”, explicou o presidente da Fundação Municipal de Cultura (Func), Francisco Gonçalves.
Na próxima sexta-feira, será realizado o show “Vibrações Positivas” que reunirá cantores, grupos de dança, radiolas e DJs de reggae. As apresentações serão realizadas a partir das 19h na Praça Maria Aragão, uma forma de comemorar o aniversário de São Luís e homenagear o Dia Municipal do Reggae (dia 5). Esse encontro da programação com os ritmos culturais será evidenciado durante as comemorações.
Segundo o presidente da Func, a ideia deste ano é celebrar o aniversário da cidade destacando datas importantes como o Dia Municipal do Reggae e o Dia Municipal do Tambor de Crioula (dia 6), contemplando a nova dinâmica da música feita pelos artistas de São Luís e a diversidade dos gostos musicais da população. “Será uma festa em que a cidade se reconheça”, afirmou Francisco Gonçalves.
O primeiro dia das comemorações contará também com uma roda de conversa sobre o tema “Pungada da Ilha”, que reunirá os professores Sérgio Ferretti (UFMA) e Neto de Azile (Comitê Gestor de Salvaguarda do Tambor de Crioula). “Junto com o comitê de salvaguarda, decidimos que a programação não fosse apenas composta por espetáculo, mas também discutíssemos o tema”, esclareceu o presidente da Func.
Já no segundo dia da programação, dia 6, haverá apresentação de grupos de tambor de crioula na Madre Deus com procissão e ladainha. No dia 7, a Praça Maria Aragão será transformada em palco do show gospel “Glórias” com a cantora Bruna Karla, e participação da banda local Marcados pela Promessa. No dia 8, aniversário da cidade, haverá o show “Louvação a São Luís”, reunindo novos nomes da música produzida na cidade, como Phill Veras e a cantora lírica Brígida Andrade, na Praça Maria Aragão.
As comemorações serão estendidas até o dia 14 de setembro através de parceria com o Comitê Internacional de Organização de Festivais de Folclore da Unesco, que coordenará o Festival Internacional de Folclore. O evento será realizado em São Luís do dia 9 a 14 de setembro, na Praça Maria Aragão, reunindo representes de cinco países e do Brasil.
PROGRAMAÇÃO
SEXTA-FEIRA (DIA 5)
“Vibrações Positivas” – Show em comemoração ao Dia Municipal do Regueiro, instituído pela Lei 4.102, de outubro de 2002, com participação de DJs, bandas de reggae, grupos de danças e radiolas. Local: Praça Maria Aragão. Horário: 19h.
Roda de conversa “Pungada da Ilha” – Roda de conversa com participação do Professor Ferreti (Ufma) e Neto de Azilê (Comitê Gestor). Local: Galeria Trapiche (Praia Grande – Centro). Horário: das 15h às 18h.
SÁBADO (DIA 6)
Projeto “Pungada da Ilha” – Comemoração do Dia Municipal do Tambor de Crioula com apresentação de cinco grupos de tambores de crioula, procissão e ladainha. Local: Fábrica das Artes (Rua São Pantaleão – Madre Deus). Horário: das 17h às 0h.
“Imenso Amor” – Espetáculo artístico musical com o Padre João Carlos e participação da banda católica “Paresia”. Local: Praça Maria Aragão. Horário: 19h.
DOMINGO (DIA 7)
“Glórias” – Show evangélico com a cantora gospel Bruna Karla, participação da banda local Marcados pela Promessa, e do Pastor Marcos Lins Gruvira. Local: Praça Maria Aragão. Horário: 19h.
SEGUNDA-FEIRA (DIA 8)
“Louvação a São Luís” – Show musical com participação da banda Pedeginja, Phill Veras lançando novo CD e DVD; Som do Mará, de Chiquinho França; e participação especial dos jovens talentos Brígida Andrade e Victor e Bruno. Local: Praça Maria Aragão. Horário: 19h.
TERÇA A DOMINGO (DIA 9 A 14)
Festival Internacional de Folclore – Presença de grupos nacionais e internacionais, com representantes da Colômbia, México, Argentina, Chile, Estônia, entre outros convidados. O evento objetiva promover o patrimônio imaterial, através de formas de expressão, tais como dança, música, jogos, rituais, costumes e outras artes. Local: Praça Maria Aragão. Horário: a partir das 19h

"80% das escolas de São Luís estão funcionando", garante secretário de Educação

Blog do Hugo Freitas
Em visita a uma unidade de ensino, o secretário municipal de Educação, Geraldo Castro, assegurou que cerca de 80% das escolas de São Luís estão funcionando total ou parcialmente

O titular da Secretaria Municipal de Educação (Semed), Geraldo Castro Sobrinho, garantiu que cerca de 80% das escolas da rede pública de ensino de São Luís estão em pleno funcionamento de suas atividades educacionais e nutricionais.

Esta semana, Geraldo visitou algumas dessas unidades para acompanhar o funcionamento e a rotina de trabalho desempenhado. Uma das escolas visitadas pelo secretário foi a Unidade de Educação Básica (U.E.B.) Rubem Goulart, na Cohab, que atende a quase mil alunos, nos três turnos. A escola é uma das quais todas as atividades socioeducativas e de segurança alimentar estão sendo desenvolvidas, assim como as ações extracurriculares previstas no cronograma letivo.

“Estamos trabalhando muito para garantir o funcionamento das unidades em sua plenitude. Tivemos um retorno significativo de professores ao trabalho, fazendo com que atingíssemos um índice de 80% de unidades em funcionamento total ou parcial. Isso nos possibilitou resgatar o dia a dia das escolas e manter as atividades educacionais costumeiras para garantir a permanência das crianças em sala de aula, com atividades de esporte, culturais, merenda escolar e todas as demais ações inerentes à comunidade educacional”, afirmou Geraldo Castro.

O secretário garantiu que o calendário escolar vai ser totalmente cumprido dentro da reposição necessária, nas escolas onde houve a paralisação. Já nas unidades que não pararam, a conclusão das atividades será dentro do calendário previamente firmado. “O fato é que teremos o respeito total à Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB), garantindo todo o cumprimento de dias e horas letivos preconizados pela lei”, garantiu o secretário.

Segundo ele, o mais importante é que seja feita a organização do calendário, com apoio dos professores. “Estamos no momento em que o entendimento é do interesse de todos os setores e não devemos permitir que as perdas por essa situação recaiam sobre nossos alunos. Temos de garantir que recebam suas aulas e que participem de todas as atividades escolares previstas”, enfatizou.

sábado, 30 de agosto de 2014

Antônio Pereira almoça com a imprensa, fala da luta pelo povo e agradece apoio


O deputado Antônio Pereira (DEM-25.333) participou, na sexta-feira (29), no Restaurante da Vanir, de um almoço com profissionais de imprensa da cidade de Açailândia, na Região Tocantina.      

O almoço - promovido pelo ex-deputado estadual e ex-prefeito de Açailândia, Deusdete Sampaio - marcou momentos de aproximação, amizade e descontração entre a imprensa e o deputado.   
Na reunião, Antônio Pereira expôs uma síntese do seu trabalho em benefício do povo do Estado do Maranhão, e prometeu continuar a luta na Asembléia Legislativa, durante o quarto mandato. 
Antônio Pereira agradeceu o apoio de todos os profissionais de imprensa de Açailândia e da Região Tocantina que, por meio de seus conceituados veículos de comunicação, divulgam seu trabalho. 
Também estavam no almoço o  deputado federal e candidato a reeleição, Chiquinho Escórcio, jornalistas, radialistas, blogueiros, apresentadores de TV e expressivas lideranças da região.  

sexta-feira, 29 de agosto de 2014

Reitor Natalino Salgado prestigia evento que comemora 25 anos do SINTEMA

O Sindicato dos Trabalhadores em Educação de Terceiro Grau no Estado do Maranhão (SINTEMA), entidade representativa dos técnicos-administrativos da Universidade Federal do Maranhão, comemora hoje 25 anos de existência. Para marcar a data, a organização sindical promoveu um evento no auditório central da UFMA seguido de exposição sobre temas relevantes para os trabalhadores em exercício ou aposentados da universidade.
A abertura contou com a presença do reitor Natalino Salgado que destacou a importância da atuação do sindicato na defesa dos interesses do corpo técnico-administrativo da UFMA e a valorização da categoria. “Este é um momento de reflexão também. Não é fácil caminhar em uma luta constante como essa, um embate diário para poder fortalecer a representação dos trabalhadores, em especial de uma universidade federal”, afirmou.
Para o reitor não adianta a UFMA estar com uma boa estrutura física, se as pessoas que fazem a universidade não forem valorizadas do ponto de vista de remuneração e qualificação, para que possam desempenhar a contento o seu papel e o seu trabalho. “São as pessoas que engrandecem qualquer instituição”, enfatizou. “Sinto-me honrado de ser associado ao Sindicato, iniciativa que tive assim que assumi a reitoria”, revelou.
O presidente do SINTEMA, Antonio Mariano Melo de Azevedo, ressaltou a coincidência da data do aniversário de fundação do sindicato com a sua admissão na UFMA, onde ingressou há vinte anos. “Me sinto orgulhoso de fazer parte do corpo técnico-administrativo desta equipe que coloca a nossa universidade no patamar em que ela está hoje, junto com a nossa administração superior. O que, para mim, é um motivo a mais de alegria e de agradecimento”, assinalou.
O presidente do sindicato destacou que o SINTEMA é a principal ferramenta de luta e de defesa dos trabalhadores da UFMA, técnicos-administrativos em educação e docentes filiados. Fez, também, menção a antigos filiados que já faleceram. “Muitos dos nossos colegas que já partiram doaram grande parte das suas vidas ao SINTEMA, e por isso e por outras coisas que temos obrigação de valorizar a nossa entidade”, ponderou. 
A programação dos 25 anos do SINTEMA também terá o seu momento festivo, com uma tarde de lazer que o sindicato realiza, amanhã, a partir do meio-dia, na sede social da ASSUMA, no Olho d’Água, com roda de samba e uma feijoada oferecida a todos os associados. 

SAULO ARCANGELI FAZ PANFLETAGEM NA FEIRA DO BAIRRO DE FÁTIMA

O candidato a Governador pelo PSTU Saulo Arcangeli , juntamente com os candidatos do partido e militantes, realizou uma panfletagem na feira do Bairro de Fátima.
 
Durante a panfletagem foi possível dialogar com a população, que foi muito receptiva com as nossas candidaturas. A ausência de condições dignas de trabalho na feira foi uma das maiores reclamações, mas o ponto principal foi a falta de uma produção local de alimentos comercializados. Vários produtos vêm de outros estados, como Pernambuco e Ceará(90% dos que nos alimentamos vem de fora do estado). Com isso ocorre um encarecimento dos produtos para o consumidor e dificuldades na comercialização por parte dos feirantes.
 
Para Saulo Arcangeli é necessário investir na agricultura familiar e fazer uma verdadeira reforma agrária, garantindo investimentos na infraestrutura no campo, com o fortalecimento dos órgãos de assistência técnica e extensão rurais, que no último período foram destruídos(EMATER, CIMEC, EMAPA),  apoio financeiro por parte do Estado e escoamento e comercialização da produção local. Assim teremos alimentos para a população a um preço mais barato, além de deixar a terra nas mãos dos seus verdadeiros donos e quem realmente produz e não para os latifundiários e grileiros.
 
“Não podemos permanecer em um Estado que possui terras abundantes e grandes rios, mas que tem uma baixa produção de alimentos para a população. Isto ocorre pelo maior investimento do governo federal e estadual no agronegócio. A soja, por exemplo, já ocupa 33% da nossa área plantada, enquanto a produção de arroz, mandioca, feijão e outros produtos recua a cada ano. Precisamos realizar um novo zoneamento agrícola e ecológico que possibilitará verificar quais as melhores áreas para produção de várias culturas no estado, seguindo as peculiaridades de cada região. A UEMA, que possui, dentre outros, os cursos de Agronomia e Zootecnia, será fundamental nesta tarefa.”, conclui Saulo.

Wellington do Curso faz campanha voltada para a juventude.

 
O candidato a deputado estadual, Wellington do Curso (PPS), a cada dia vem fortalecendo o seu compromisso com os jovens maranhenses e vem despertando o interesse daqueles que antes estavam desacreditados com a política atual.
Wellington realizou diversas ações voltadas para a juventude, entre elas palestras e panfletagens em instituições que contaram com a participação de colaboradores e voluntários de sua campanha.
Para o estudante Junior Lima, é de extrema importância o contato pessoal de Wellington com os jovens, pois estimula a conscientização política, para que o jovem se preocupe com o processo eleitoral.
“É incontestável deixarmos de falar ou vivenciar a política, pois ela, por mais problemática que seja ou esteja, representa a história de cada um de nós e é uma paixão contagiante, pois estimula nossa esperança, nos fazendo acreditar em dias melhores”, explicou um aluno.
A juventude vem desempenhando um papel importante e vem conquistando o seu espaço. Assim vem acontecendo com o candidato a deputado estadual, Wellington do Curso, que decidiu entrar na política, não para ser mais um simples candidato, mas por defender ideais plausíveis e que visam o bem da coletividade. Ao invés de ficar por aí falando mal dos políticos, como muitos fazem, ele vem comprovando que com o seu novo jeito de fazer política é possível se viver em um Maranhão mais digno. 
 “Em nome da renovação, da boa e nova política, com responsabilidade, ética, respeito ao próximo e com o olhar voltado para o futuro, estamos dando passos em direção a um Maranhão melhor, afirma Wellington do Curso.”


quinta-feira, 28 de agosto de 2014

Vereador Batista e secretário discutem greve

Vereador Batista Matos

O vereador Batista Matos (PPS) esteve esta semana com o secretário de educação do município, professor Geraldo Castro, onde pediu maiores informações do procedimento da prefeitura para por fim a greve dos professores que já dura mais de 100 dias, prejudicando milhares de crianças.
Geraldo Castro explicou a Batista Matos que a Prefeitura de São Luís tem mantido a disposição para o diálogo com o Sindicato dos Profissionais do Magistério da Rede Municipal de Ensino de São Luís (Sindeducação). “Já realizamos várias reuniões, sempre com a presença do Ministério Público Estadual (MPE), por meio da titular da 2ª Promotoria Especializada em Educação, Maria Luciane Belo”.
O esforço para continuar com as negociações tem ocorrido mesmo após o movimento de paralisação dos professores ter sido decretado ilegal pela Justiça do Maranhão e pelo Supremo Tribunal Federal (STF). “É uma inverdade dizer que este governo não negocia. Foi confirmada a ilegalidade da greve, mas ainda assim nos interessa o diálogo, porque os impasses devem ser resolvidos”, explicou Geraldo Castro.
Secretário Geraldo Castro
“Essa situação precisa ser resolvida o mais breve possível. É necessário que se encontre um acordo entre Sindicato e Semed fruto do bom senso. De um lado tem as reivindicações do Sindicato, mas do outro existe o limite das possibilidades financeiras do município e na ponta estão milhares de alunos sem aula. O bom senso tem que ser em favor destas crianças”, comentou Batista Matos.
Geraldo Castro Sobrinho enfatizou que quase a totalidade dos recursos do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais do Magistério (Fundeb) já é utilizada para o pagamento da folha de professores. Ele lembrou que no ano passado, foi possível conceder um reajuste salarial de 9,5% a categoria e também diversas progressões salariais que estavam pendentes.
CARGA HORÁRIA E LEITE NA ESCOLA
Em 2013, Batista Matos liderou uma comissão de pais de alunos que pedia a regularização da carga horária que estava reduzida em algumas escolas. Na época a negociação ocorreu com o ex-secretário Alan Kardec. Com a mesma comissão de pais, o vereador também atuou na defesa do retorno do programa Leite na Escola. “Foram duas conquistas importantes que beneficiaram milhares de alunos. Nosso compromisso é continuar trabalhando em favor da educação das crianças de nosso município. A Câmara de vereadores tem acompanhado de perto e levantado discussões para que essa greve seja finalizada e logo tenhamos professores e alunos dentro da sala de aula”, concluiu.

São Raimundo: uma saudade da velha culinária e do seu povo hospitaleiro

 
Hoje, 27/08 -, por mera consciência atendi em meu trabalho como orientador dos camponeses no Sindicato dos Trabalhadores Rurais de Urbano Santos a Senhora Rosilene, moradora no Povoado São Raimundo, prima da Francisca, presidente da associação da comunidade. Aproveitei para mandar lembranças àquelas pessoas amigas, foi daí então que senti saudades da velha culinária e do seu povo hospitaleiro. Pensei nos peixinhos do riacho que Francisca Faz amoquecados, as galinhas caipiras com leite de côco, pato ao molho pardo, leitão a pururuca e sucos naturais.
A querida comunidade de São Raimundo é conhecida por ter uma associação comprometida com a luta em defesa da Reforma Agrária a favor dos direitos humanos e da vida. É uma região de chapadas com muitos bacurizeiros e pequizeiros, as casas dos moradores ficam na encosta da parte elevada do morro, nas proximidades do riacho que vem do Bom Princípio. Antigamente o Povoado São Raimundo não era muito conhecido pelo fato do difícil acesso das pessoas que ultrapassavam caminhos cheios de avalanches até chegarem lá. No inicio da luta pela terra companheiros de militância social como o Wilson Sousa e o Sr. Nonato do STTR na época, batalharam junto à associação numa peleja que até agora tramita nos órgãos fundiários. Respeitosamente falando, tenho um carinho muito grande por aquela população, desde as crianças que brincam alegres nos terreiros aos mais velhos que tem suas mãos calejadas prova do trabalho honesto para o sustento de suas famílias. Por duas vezes levei e organizei dois grupos de alunos para conhecer o projeto do Fórum Carajás que procurou desenvolver o processo do manejo do bacuri e espécies das chapadas. A primeira turma foi em 2011 (16 alunos) da Escola Comunitária Santa Maria Bertilla, pré-adolescentes que tomaram consciências e tiveram uma experiência exemplar a respeito das questões rurais. Caminharam pela chapada e tomaram banho no rio e, para não fugir do assunto, provaram e souberam da grande importância dos pratos tradicionais da zona rural. A última turma foi no ano seguinte em 2012 -, dessa vez o terceiro ano da mesma escola conheceu na íntegra e passaram por aquela aventura numa toyota, lembro que a viagem foi cheia de tropeços, era no inverno e as chuvas estavam fortes, mas deu tudo certo. Acredito que tivemos muitos proveitos, pois quando chegamos à escola preparamos um seminário com as fotos que trouxemos, vídeos e a experiência na comunidade, até hoje os alunos lembram das viagens.
Hoje em dia São Raimundo já conquistou bastante, sabe-se que ainda não foi tudo, mas avançou muito. Tem escolas, projetos de galinha caipira, roças e o manejo do bacuri. É uma comunidade modelo na Região do Baixo Parnaiba Maranhense pela preservação da cultura de seu povo, pelo respeito com as pessoas, humildade e, sobretudo a militância nos direitos humanos e consciência ecológica. No tempo de buriti as mulheres fazem um doce muito saboroso do fruto, a poupa do bacuri também é muito divulgada como forma de desenvolvimento sustentável. Como já dissera antes, São Raimundo é um pedaço do mundo, onde os mais novos aprendem com os mais velhos serem cidadãos e cidadãs de bem que trabalham no dia-a-dia, preservam sua cultura e a mãe natureza e não se calam quando lutam pelos seus direitos sociais.
 

Marcha rumo ao centenário

A juventude evangélica da Assembleia de Deus da área Itaqui-Bacanga realiza neste sábado, 30 de agosto, a I Marcha Rumo ao Centenário-Jesus é o Senhor! É uma referência aos 100 anos da Assembleia de Deus que será comemorado em 2022.
            A coordenação aguarda a participação de 5.000  jovens. O evento será encerrado na concha acústica na Ufma. Grupos convidados o Semeador e orquestra Asafé.
 
O que? I Marcha Rumo ao Centenário-Jesus é o Senhor!
Quando? Sábado 30 de agosto, às 14h30.
Onde? Concentração na Praça da Ressurreição no Anjo da Guarda próximo a Caema.
Coordenação: Marcos Japi 88466101-91842182

Zé Inácio reúne com direção do Sindsep

Na manhã desta quinta-feira (28), o candidato a deputado estadual pelo partido dos trabalhadores Zé Inácio foi recebido pela direção do Sindicato dos Servidores Públicos Federais no Estado do Maranhão (Sindsep/MA). Além da direção do Sindicep também esteve presente o candidato a deputado federal, Eduardo Braga(PT).  
A reunião aconteceu na sede da entidade, onde o candidato a deputado estadual Zé Inácio (PT) destacou sua trajetória como militante político, social e sindical. Zé Inácio (PT) foi filiado ao Sindsep durante o período em que esteve como Delegado do Ministério do Desenvolvimento Agrário e no período em que esteve à frente do Incra. “Sempre atuei pela defesa das classes trabalhadoras e o Sindsep é um dos sindicatos o qual sou filiado e que sempre fiz questão de interagir”, declarou Zé Inácio.    
O petista Zé Inácio foi muito bem recebido pela diretoria. A presidente do Sindsep, Angela Maria Silva Souza destacou a importância da parceria existente entre o candidato a deputado estadual Zé Inácio e os sindicalistas durante a sua passagem pela Superintendência do Incra no Maranhão.     
Apesar  de saber que as decisões que norteiam os servidores federais serem tomadas em Brasília, principalmente no Congresso Nacional, Zé Inácio (PT) colocou seu futuro mandato de deputado estadual à disposição da organização dos trabalhadores no estado e em possíveis interlocuções com a bancada federal. “Quando deputado estadual, estarei disponível para dialogar com o a direção do Sindsep no que for preciso e assim dar continuidade à nossa parceria”, finaliza Zé Inácio. 

quarta-feira, 27 de agosto de 2014

Wellington do Curso intensifica campanha corpo a corpo



O candidato a deputado estadual, Wellington do Curso (PPS)  tem aproximado cada vez mais o eleitorado da capital maranhense à sua campanha, através das visitas e ações que vem realizando nas feiras, comunidades, faculdades e demais locais. Por onde tem passado, Wellington tem recebido o carinho, a atenção e o apoio de jovens, trabalhadores e cidadãos que acreditam no seu jeito novo de fazer política.
 
Nessa terça-feira (26),  o candidato iniciou o dia na feira do bairro João Paulo, onde acompanhou de perto a realidade dos feirantes que estão insatisfeitos com a política atual e   aproveitou para apresentar seu plano de ações aos que estavam presentes.
Em seguida, Wellington continuou levando suas propostas e divulgando seus materiais de campanha, desta vez, em faculdades, onde foi muito bem recebido por universitários que declararam apoio a ele.
Para Wellington do Curso, tem sido muito calorosa a receptividade  e aprovação da sua candidatura. "Tenho sentido um clamor muito forte de mudança e renovação no seio político. Um nome novo na política soa muito bem. De forma voluntária, as pessoas tem se manifestado a me ajudar nesse projeto de imprimir um novo conceito de fazer política. Estamos em busca de uma mudança de postura e, principalmente, de alternância no executivo estadual, pois entendemos que é preciso mudar”, afirmou Wellington.

Antônio Pereira é aclamado em Porto Franco,

O deputado Antônio Pereira (DEM) - candidato à reeleição para o quarto mandato na Assembleia Legislativa - cumpriu, no último final de semana, uma extensa agenda política, visitando aliados políticos em Porto Franco, Campestre, Ribamar Fiquene e Barra do Corda.    

Em Porto Franco - acompanhado do candidato a deputado federal, Hildo Rocha - o deputado Antônio Pereira inaugurou seu comitê de campanha, e recebeu declarações de apoio de vereadores, lideranças políticas, comunitárias e de centenas de eleitores.   

Em Campestre, o deputado Antônio Pereira prestigiou a tradicional Cavalgada, que todos os anos reúne milhares de cavaleiros e amazonas do Maranhão e do Brasil. A festa é considerada uma das mais importantes do gênero na Região Sul do Maranhão.   

                           APOIO PARA REELEIÇÃO 

Em Ribamar Fiquene, Antônio Pereira participou de almoço na casa do ex-prefeito Dione, acompanhado de vereadores, lideranças e eleitores. O democrata recebeu declarações de apoio à reeleição para o quarto mandato na cavalgada e no almoço.  

Em Barra do Corda - acompanhado da esposa Caroline Pereira e do prefeito Eric Costa - Antônio Pereira participou da Caminhada da Sagrada Família e de missa. Em São Luís, Antônio Pereira participa do Terço dos Homens, na Igreja do Renascença. 

Antônio Pereira parabenizou Barra do Corda pelas atividades das Semana Nacional da Família, organizadas pelas paróquias Santa Cruz e  Santa Gianna Beretta Molla , com o apoio do prefeito, Eric Costa, da primeira dama, Bruna Costa, e dos colaboradores. 
 

Lobão Filho reúne multidão durante caminhada na Rua Grande

 

Multidão reunida na Avenida Magalhães de Almeida, ponto de concentração da caminhada
Seguido por multidão, Lobão Filho comandou a maior caminhada da campanha (Fotos: Gilson Teixeira)
O candidato ao governo do Maranhão Lobão Filho (PMDB) participou nesta terça-feira (26), ao lado da esposa, Paulinha Lobão, de uma grande caminhada no principal centro comercial de São Luís. O evento, que partiu da Praça Nauro Machado, reuniu uma verdadeira multidão, entre jovens e famílias.
Denison Costa, de 27 anos, disse ser esse o momento da verdadeira democracia. “Estou aqui com a juventude do PTB porque acredito que esse é o momento de termos um contato concreto e direto com as propostas do nosso candidato”, destacou.
Mais de 10 mil pessoas acompanharam Lobão Filho no cortejo pela Rua Grande
Mais de 10 mil pessoas acompanharam Lobão Filho no cortejo pela Rua Grande, marcado por empolgação
Bastante animada, dona Margarida Alves revelou nunca ter visto uma campanha tão positiva como a de Lobão Filho. “Eu sou pernambucana e moro no Maranhão há 30 anos. Conheço a família Lobão e amo de coração porque sei que todos eles têm respeito pelo estado que eu escolhi para viver”, afirmou a dona de casa de 49 anos.
Logo na chegada, o candidato da coligação “Pra Frente, Maranhão” foi recebido com um bandeiraço no alto da escadaria da praça, gesto que emocionou o peemedebista. “Esse é o meu primeiro ato público na minha capital e fico sinceramente muito emocionado com tanto carinho. Reafirmo hoje aqui o meu compromisso com a juventude e com o desenvolvimento do meu estado”, enfatizou.
Candidato da coligação "Pra Frente, Maranhão" fala à multidão na Praça Deodoro
Candidato da coligação “Pra Frente, Maranhão” fala à multidão na Praça Deodoro
A caminhada do 15 seguiu pelas ruas do Centro Histórico, percorrendo também toda a extensão da rua Grande, considerada o coração econômico da capital. No trajeto, Lobão Filho acenou e conversou com diversos trabalhadores do comércio.
Lobão Filho, a esposa, Paulinha, e a filha, Tatiana, fazem gesto que simboliza a inicial do candidato
Lobão Filho, a esposa, Paulinha, e a filha, Tatiana, fazem gesto que virou marca registrada da campanha
Eduardo Silva, que trabalha em uma das lojas da Rua Grande, disse que ficou surpreso com a quantidade de pessoas que acompanharam o candidato. “Eu já tinha visto ele na televisão no primeiro programa eleitoral, mas aqui é diferente. Ele realmente tem um carisma impressionante”, admirou-se o vendedor.

terça-feira, 26 de agosto de 2014

SAULO ARCANGELI PARTICIPA DA II MARCHA CONTRA O GENOCIDIO DO POVO NEGRO

O candidato a Governador pelo PSTU Saulo Arcangeli , juntamente com vários militantes do PSTU e dos movimentos sociais, participaram da II MARCHA CONTRA O GENOCIDIO DO POVO NEGRO, que ocorreu em São Luís. 
Foram realizados marchas em várias capitais do país. Aqui em São Luís o Movimento Quilombola do Maranhão - Moquibom, que esteve também no INCRA para cobrar agilidade e solução para os vários processos de titulação das terras quilombolas no Estado, juntamente com a Comissão Pastoral da Terra, Quilombo Urbano, Quilombo Raça e Classe Maranhão, Luta Popular e a CSP - Conlutas estiveram à frente da realização da atividade que serviu para lembrar e denunciar o deplorável quadro de violência no qual os negros e negras da  periferia e do campo estão  submetidos, principalmente no Maranhão.
 
Para Saulo Arcangeli realmente existe um extermínio do povo negro em nosso estado, principalmente de jovens. Podemos constatar pelo aumento de mais de 400% no número de assassinatos entre 2000 e 2012 no Maranhão, sendo que 54% eram jovens e 85% negros. Precisamos de políticas públicas que gerem emprego e renda, boa educação, acesso ao trabalho, esporte e lazer para os jovens. Estas medidas são fundamentais para combater a violência, o crime e o tráfico de drogas em nosso Estado.
 “Defendemos um plano de emergência, que entre vários pontos, contenha um plano de obras públicas que gere empregos, a democratização da Justiça e fortalecimento da Defensoria Pública, a prevenção social do crime e da violência, punição exemplar aos grandes corruptos e corruptores e fortalecimento dos Conselhos Populares de Segurança que são fundamentais para discutir a melhor política de segurança para o estado.      Em relação às lutas dos quilombolas, devemos investir e reestruturar o Iterma e exigir do Incra a titulação de suas terras. Não podemos admitir que as comunidade sejam retiradas, muitas vezes na força e com mortes, pois elas tem o direito de permanecer e produzir em suas terras.”, conclui Saulo.

Tarifa de energia elétrica subirá 24,12% no Maranhão

 

tarifa energia
Em reunião pública realizada nesta terça-feira, 26 de agosto, a diretoria da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) homologou o reajuste tarifário da Companhia Energética do Maranhão – CEMAR. O reajuste é um instrumento previsto no contrato de concessão para manter atualizado o valor das tarifas, frente à variação da inflação e do repasse integral do custo de energia aos consumidores.
Para os consumidores residenciais, o reajuste será de 24,12%, já a classe industrial sofrerá reajuste de 24,16%[1], sendo que o reajuste médio geral ficou em 24,11%. Os novos valores serão aplicados a partir de 28 de agosto para mais de 2 milhões de unidades consumidoras.
Para calcular o valor do reajuste estabelecido para a tarifa, a ANEEL leva em consideração a parte da tarifa que efetivamente fica com a concessionária, para operar manter e realizar os investimentos necessários à melhoria e expansão do sistema. Esta parcela foi corrigida em 1,62%.
A segunda parte do reajuste é referente à parte da tarifa que contempla os custos com compra de energia junto aos geradores, os custos com a transmissão da energia e o valor dos encargos setoriais. Dentre estes itens, a despesa junto aos geradores é a que apresenta maior crescimento e tem elevado peso na tarifa – assim, a maior parte do valor do reajuste se dá por conta do aumento expressivo dos custos de aquisição de energia. Vale ressaltar que os custos que compõem esta parte da tarifa são estabelecidos conforme as regras do setor e devem ser repassados integralmente aos consumidores.
É importante ressaltar que dos 24,12%do reajuste autorizado pela ANEEL, apenas 1,62% correspondem à parte que fica com a CEMAR e o restante 22,50%, refere-se às despesas de pagamento de energia, transporte e encargos setoriais.
Com a parte que fica com a CEMAR a empresa atende os mais de 2 milhões de clientes maranhenses, opera o sistema e faz manutenções na rede, além de investir na melhoria da qualidade da energia.
Qual a relação entre a escassez de chuva e o aumento na tarifa?
Conforme amplamente divulgado pela mídia, esta elevação da despesa com compra de energia decorre de uma situação conjuntural no setor elétrico, marcada por um volume baixo de chuvas nas regiões Sudeste, Centro-oeste e Nordeste, nas quais está localizada a maior parte das hidroelétricas do país. Em função desta condição de poucas chuvas, o custo de geração de energia teve forte aumento, pois o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS) teve que recorrer a usinas térmicas, que possuem custos bem mais elevados, para garantir o suprimento de energia em todo o país. Vale ressaltar que a CEMAR não tem qualquer gestão sobre os custos da energia, uma vez que os mesmos são estabelecidos conforme as regras do setor, sem que haja possibilidade de negociação pela distribuidora.
Por outro lado, vale lembrar que o sistema elétrico brasileiro é interligado, ou seja, as usinas geradoras (hidroelétricas, termelétricas, eólicas, a biomassa, e etc) de todas as regiões operam de forma integrada, sob coordenação do Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS). Isso significa que eventos em uma região podem afetar as outras, inclusive no que se refere ao preço da energia.
Como funciona a compra de energia no Brasil?
A atual legislação do setor, não permite que as distribuidoras escolham de quem comprar energia. Elas apenas declaram as quantidades para atender seus clientes e são obrigadas a comprar energia em leilões nacionais organizados pelo Governo. As distribuidoras compram energia dos geradores que participam desses leilões. Grande parte da energia que as distribuidoras vendem aos clientes é oriunda de centenas de usinas (termoelétricas, hidroelétricas, eólicas, a biomassa e etc) localizadas nas diversas regiões do Brasil. Dessa forma, todos os estados são afetados pela seca dos reservatórios brasileiros.
Outras informações sobre os reajustes tarifários podem ser consultadas no endereço eletrônico www.aneel.gov.br.

Wellington do Curso entrega Carta Aberta de Compromisso aos enfermeiros e demais profissionais da saúde.

Na tarde desta terça-feira (26), o candidato a deputado estadual pelo PPS, Wellington do Curso esteve no Conselho Regional de Enfermagem (COREN), onde foi recebido pela presidente do Conselho, Célia Resende.
Entre enfermeiros, médicos e outros profissionais da saúde, através da entrega de uma carta aberta à presidente do COREN, Wellington assumiu seu compromisso com a classe dos Enfermeiros, Técnicos e Auxiliares de Enfermagem, que para ele são profissionais essenciais e indispensáveis para a defesa da vida e para a construção e consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS) em todas as etapas do ciclo da vida.
Dentre as propostas do candidato estão a regulamentação da jornada de trabalho em 30 horas semanais para os profissionais da área e a realização de concurso público para enfermeiros, técnicos, auxiliares  e demais profissionais de saúde em âmbito estadual.

Governo não ajuda e ainda penaliza a população retirando R$ 2 milhões mensais, afirma Edivaldo

Blog do Jorge Vieira
O prefeito Edivaldo (PTC) contestou as declarações da governadora Roseana Sarney (PMDB) sobre parceria entre governo do Estado e prefeitura de São Luís e revelou que em um ano e oito meses o município repassou R$ 40 milhões para o Estado.
“A governadora Roseana Sarney foi muito infeliz em suas declarações. Quem parece só pensar em dinheiro é o governo do Estado. Tanto que a Prefeitura é obrigada a repassar todos os meses R$ 2 milhões para o governo do Estado. Além de retaliar não a mim, mas a população de São Luís, sem um único convênio em um ano e oito meses, ainda tivemos que repassar R$ 40 milhões para o governo do Estado, recursos referentes ao convênio feito pelo ex-governador Jackson Lago para a construção dos viadutos do Calhau e da Forquilha”, afirmou o prefeito.
Na entrevista a um jornal local, no último domingo (24), a governadora disse que “eles (Prefeitura) acham que parceria é só dar dinheiro”.
Roseana Sarney chegou a dizer que “também poderia ir pedir dinheiro à Prefeitura”, sem explicar as razões de seu governo não celebrar convênios com a Prefeitura. Contudo, nada disse sobre o pedido de audiência protocolado pelo governo municipal na Casa Civil, há 3 meses, quando o prefeito decretou situação de emergência em 41 bairros da capital do Estado.
“Desde o início de nossa gestão, tenho buscado parceria institucional com o governo e o fiz novamente, inclusive em pronunciamento na TV, quando parte da população de nossa cidade sofreu com um dos mais rigorosos períodos chuvosos dos últimos anos, mas sequer obtivemos resposta”, criticou Edivaldo.
O prefeito relembrou que na primeira tentativa de firmar parceria com o Estado, no início da gestão, o governo Roseana propôs a transferência da gestão do Hospital Municipal Clementino Moura, o Socorrão II, para a Secretaria de Estado da Saúde, mediante repasse da ordem de R$ 77 milhões por parte do governo municipal ao Estado.
“Mais uma demonstração de que quem parece entender parceria como recursos financeiros é a governadora Roseana Sarney”, disse.
Edivaldo afirmou que as ligações feitas pela governadora, ano passado, ocorreram após as manifestações de rua em junho de 2013. Mas, a proposta de parceria do governo do Estado na área de mobilidade urbana também não se concretizou. “O que existe pontualmente em algumas secretarias citadas pela governadora

O “Alô, Doutor” é uma ação exitosa na Saúde, diz Lobão

O candidato da coligação “Pra Frente, Maranhão” a governador, senador Lobão Filho (PMDB), propõe a implantação do programa Alô, Doutor para fornecer orientações adequadas aos cidadãos em caso de acidentes ou informações para onde cada pessoa deve se deslocar em busca de atendimento médico de qualidade e correto.
 
“O Alô, Doutor vai salvar muitas vidas. Em todo o país morre muita gente ou ficam com sequelas graves por falta de orientação, por exemplo, em casos de acidentes domésticos. No meu governo, 24 horas por dia, sempre terá equipes profissionais de primeiros socorros para prestar orientações até a chegada do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU)”, garantiu Lobão Filho ao relatar também que em acidentes domésticos, em especial com crianças, normalmente são adotadas medidas que às vezes prejudicam ou agravam o seu estado de saúde por decisões sem a devida orientação médica correta.
 
O candidato peemedebista disse relatou ainda que vários planos de saúde privados possuem programas similares. “Vamos assegurar, ao cidadão, serviços de qualidade seja em que área como saúde e educação. Todos os profissionais que vão trabalhar no Alô, Doutor vão ser treinados de acordo com as convenções mundiais de telemedicina e com protocolos científicos de atendimento”.
 
Os profissionais vão orientar sobre temas como doenças e internações, por exemplo. “Quando uma pessoa precisar de atendimento médico ou de exame, basta ligar para o Alô, Doutor que ela saberá para onde se dirigir para ter atendimento de qualidade e adequado, além de evitar o desperdício de tempo e de dinheiro, pois será encaminhada já para a unidade hospitalar corretamente”.    
 
Lobão Filho revelou ainda que o Alô, Doutor é uma das várias ações que constam no Programa de Aceleração do Maranhão na área da saúde, o PAM/Saúde. Entre elas, o senador citou: a construção de Hospitais de pronto atendimento em todos os municípios onde ainda não têm, a implantação de 19 centros de consultas e exames especializados em cada uma das regionais de saúde, o programa Remédio em Casa, que consiste em um sistema de entrega de medicamentos de uso continuado aos pacientes com dificuldade de locomoção.
 
Estão previstos ainda a implantar cursos de medicina da Universidade Estadual do Maranhão (Uema) onde houver hospitais macrorregionais, o Programa Mais Leitos para a construção, conclusão e equipamentos de todos os hospitais de 20, 50 e 100 leitos, a ampliação da rede de Unidades de Pronto Atendimento, com a construção de UPA’s em todas as regiões do Estado, em parceria com o Governo Federal e a criação de Centros Estaduais Regionais de Recuperação, para tratamento de dependentes químicos.

Saiu na Folha de São Paulo: Candidato do PT usa tática ‘mandrake’ para apoiar rival no Maranhão

 
Um petista insatisfeito com o apoio do partido a Lobão Filho (PMDB), candidato a governador do Maranhão ligado à família Sarney, encontrou uma forma criativa e polêmica de fazer campanha para um rival em pleno horário eleitoral da sigla.
Márcio Jardim disputa uma cadeira de deputado federal pelo PT e é um dos líderes da dissidência que criou um comitê informal no Estado para apoiar Flávio Dino, do PC do B. Dino é adversário de Lobão Filho na eleição para o governo.
Ele decidiu concorrer com o número 1365 — o 13 do PT e o 65 de Flávio Dino. Uma “coincidência” que ele faz questão de enfatizar em suas inserções na TV, nas quais também repete dois slogans da campanha comunista em apenas 25 segundos de texto

Foto
 Cartaz de Márcio Jardim 1365, deputado federal exibido por um eleitor





“Você quer 1365. Esse é o voto da coerência por um Brasil com mais futuro e um Maranhão de todos nós. Cinquenta anos cansou, a alegria vai chegar. [...] Meu número é 1365. Vou repetir: 1365. Entendeu, né?”, diz Jardim no programa, abrindo bem a boca e exibindo os dentes na hora de falar o “65″.
“O Maranhão é de todos nós” e “Cinquenta anos cansou. Agora, a alegria vai chegar” são frases que Dino vem usando em sua campanha. Evocam as quase cinco décadas de predomínio político da família Sarney no Estado –o hoje senador José Sarney (PMDB-AP) elegeu-se governador do Maranhão em 1965.

Jardim negou ao blog que esteja fazendo campanha velada para Flávio Dino. Sustenta que “Maranhão de todos nós” é uma “expressão universal” e que o tal cinquentenário se refere a outra data histórica.
“Cinquenta anos está fazendo a ditadura militar. O PT orientou que deveríamos fazer disso tema de debate. Não tem nada a ver com a oligarquia Sarney. Entendeu, né?”, disse.

NA JUSTIÇA
A coligação de Lobão Filho entendeu –ou não– e ajuizou uma representação no TRE (Tribunal Regional Eleitoral) para barrar a inserção de Jardim.

O juiz Ricardo Macieira negou a liminar (decisão provisória) pedida pelo peemedebista. Para o magistrado, Jardim não pediu voto para Dino, e suas críticas no programa “se referem à necessidade de mudança no Maranhão, sem referência à candidatura” do comunista.

“O conteúdo da inserção refere-se à propaganda do próprio candidato a deputado, com informação de seu número (1365), sem elementos que levem a crer em invasão de horário em favor de candidato majoritário”, escreveu Macieira em sua decisão.

O advogado de Lobão Filho, Ruy Villas Boas, afirmou discordar da decisão. Disse esperar ter sucesso quando o caso for analisado pelo plenário do TRE.  “É nítida a propaganda que ele está fazendo, dentro da nossa coligação, para outro candidato”, disse.

Enquanto a corte não chega a uma decisão definitiva, Jardim pretende levar ao horário eleitoral outra “feliz coincidência” que o destino lhe reservou. 

“Vamos gravar em frente à casa onde nasci, em Arari [115 km de São Luís], e o número da casa coincidentemente é 65. Ele estava até gasto, então coloquei um novo para ficar mais bonito na imagem.”

Prefeitura inicia atendimentos para Censo Previdenciário em São Luís

 

Presidente do Ipam, Raimundo Penha, acompanhou o primeiro dia de trabalhos do Censo Previdenciário nos postos de atendimento
Presidente do Ipam, Raimundo Penha, acompanhou o primeiro dia de trabalhos do Censo Previdenciário nos postos de atendimento
A Prefeitura de São Luís, através do Instituto de Previdência e Assistência do Município (Ipam), iniciou nesta segunda-feira (25) o atendimento de aposentados e pensionistas para cadastramento no I Censo Previdenciário do Município. O primeiro dia dos trabalhos foi acompanhado pelo presidente do Ipam, Raimundo Penha, que ressaltou o procedimento como um dos instrumentos para melhoria dos serviços prestados aos beneficiários, determinada pelo prefeito Edivaldo.
Seis postos de atendimento foram disponibilizados na cidade e, no primeiro dia, a maioria das pessoas que buscaram as unidades já tinha agendado o procedimento através do site http://ipam.primesaude.com.br/ ou pela Central de Atendimento (98) 4003-1524. O cadastramento no Censo poderá ser feito até o dia 25 de setembro nos postos montados na sede do Ipam, no Centro de Atenção Integral à Saúde do Idoso (Caisi), no Centro de Referência da Assistência Social (Cras) da Forquilha, na Secretaria de Administração (Semad), no Centro Dia na Cidade Operária e no São Luís Shopping.
“Nesse primeiro dia, a movimentação está dentro das nossas expectativas, mas queremos alertar todos os beneficiários para que não deixem o cadastramento para a última hora. O Censo é muito importante para planejarmos ações e é uma recomendação do Ministério da Previdência”, informou Raimundo Penha.
Raimundo Penha destacou que o processo é simples e que, durante o processo, nenhum dado bancário precisa ser fornecido. O aposentado ou pensionista deve responder a um questionário e apresentar documentos pessoais e funcionais (portaria de pensão, título de proventos, decreto de aposentadoria), além de comprovante de residência. Pessoas que não moram mais na capital poderão fazer uso da procuração particular específica.
Para mais informações ou esclarecimento de dúvidas, o Ipam disponibilizou uma Central de Atendimento pelo telefone (98) 4003-1524. O serviço funciona de segunda a sexta-feira, entre 8h e 20h.
Perfil de saúde
O Censo estabelecerá o perfil de saúde do beneficiário, considerando aspectos como localização, estilo de vida, históricos patológicos, riscos de saúde, condições habitacionais e socioeconômicas. Com o levantamento, o Ipam identificará quais são as características do público alvo e traçará planos de ação previdenciária direcionados.
censo ipam

Wellington do Curso parabeniza soldados pelo Dia do Soldado e apresenta suas propostas para a classe


O candidato a deputado estadual, Wellington do Curso (PPS) parabeniza a todos os soldados pelos notáveis serviços que prestam ao povo e pelo Dia do Soldado, data esta que tem uma grande importância na sua vida, pois Wellington foi sargento do Exército durante 15 anos.
O candidato aproveita a oportunidade para externar seu apoio aos policiais civis e militares do Estado, defendendo a nomeação dos excedentes dos concursos das polícias militar e civil, a ampliação do número de vagas e a desvinculação do RDE (Regime Disciplinar do Exército), no caso da Polícia Militar.
 
"Recebam meus agradecimentos e admiração pela função desempenhada por cada um de vocês. Parabéns, soldados!"